Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Optometria e Ciências da Visão
  4. Prática Clínica I

Prática Clínica I

Código 12508
Ano 2
Semestre S2
Créditos ECTS 6
Carga Horária OT(30H)/PL(30H)
Área Científica Optometria
Tipo de ensino Presencial
Estágios Não aplicável
Objectivos de Aprendizagem Aplicação de técnicas optométricas em situações clínicas no contexto real, nomeadamente, no Centro Clínico e Experimental em Ciência da Visão e no UBIMedical, onde os alunos devem demonstrar conhecimento e aplicar e desenvolver competências de comunicação e práticas. Desenvolver pensamento crítico e habilidade no processo de tomada de decisão de situações optométricas básicas nomeadamente ao nível da anamnesis, exame de focalização objectivo e subjectivo, e estudo da visão binocular não estrábica em jovens adultos.
Conteúdos programáticos Devem ser demonstrados conhecimentos e competências práticas/clínicas em habilidades específicas, nomeadamente:

(1) realizar uma anamnese precisa em pacientes com diferentes condições optométricas;
(2) compreender as expectativas, preocupações, medos e ansiedades de um paciente sobre o seu bem-estar visual, o exame ocular e os possíveis efeitos colaterais da medicação sobre o sistema visual;
(3) saber comunicar com pacientes que apresentam uma comunicação pobre ou não-verbal, reticentes ou que possam induzir em erro;
(4) saber comunicar más notícias aos pacientes de forma empática e compreensível;
(5) saber gerir informação de forma segura, ética e confidencial;
(6) compreender as obrigações legais, profissionais e éticas de um optometrista;
(7) saber criar e manter registros claros, precisos e atuais do paciente;
(8) saber interpretar e responder adequadamente aos registros existentes;
(9) compreender as vias de referenciação e encaminhamento;
(10) saber determinar a refração em pacientes com problemas de optometria comuns utilizando as técnicas objetivas e subjetivas mais apropriadas;
(11) saber avaliar o estado binocular usando testes objetivos e subjetivos;
(12) saber avaliar pacientes adultos que apresentam heteroforia;
(13) saber manusear a lâmpada de fenda;
(14) saber examinar o fundo do olho utilizando técnicas diretas;
(15) saber usar instrumentação para medir a curvatura corneal.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação A estrutura e procedimentos de avaliação incluem (1) avaliações formativas e sumativas através de exames de escolha múltipla ou resposta curta; (2) avaliação formal da competência em assuntos clínicos, quer por uma série de testes de avaliação continua quer por um teste prático final, e (3) apreciação final do registo credenciado.
Bibliografia principal - Nunes JM (2007). Comunicação em contexto clínico. Lisboa: Bayer Health Care;
- Benjamin WJ (2006). Borish’s Clinical Refraction, Butterworth Heinemann Elsevier, 2nd edition;
- Scheiman MM, Wick B (2014). Clinical management of binocular vision: heterophoric, accommodative and eye movement disorders (4th ed.). Philadelphia: Lippincott Williams & Wilkins;
- Efron N (2010). Contact lens practice (2nd ed.) Edinburgh: Butterworth-Heinemann/Elsevier.
- Elliott D (2007). Clinical Procedures in Primary Eye Care, Butterworth Heinemann Elsevier, 3rd edition.
Língua Português
Data da última atualização: 2016-06-09
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.