Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Eventos
  3. “Rota da Lã Explorer, Percursos de Conhecimento e Sensações” concorre a financiamento no Orçamento Participativo Portugal

“Rota da Lã Explorer, Percursos de Conhecimento e Sensações” concorre a financiamento no Orçamento Participativo Portugal

O projeto pretende criar novas dinâmicas, baseadas na cultura e património industrial da produção de lã.

  De 26 de junho a 15 de setembro de 2017  

  UBI

“Rota da Lã Explorer, Percursos de Conhecimento e Sensações” é a designação do projeto que está a votação no Orçamento Participativo Portugal (OPP), proposto por Pedro Pais e pela docente da Universidade da Beira Interior (UBI), Rita Salvado. O projeto pretende criar uma dinâmica territorial baseada no trabalho em rede, envolvendo diferentes parceiros e agentes regionais, numa estreita simbiose entre Ciência, Cultura, Educação e Turismo.

A proposta implica a criação de uma rede de itinerários turísticos tendo a lã como fio condutor e abarcando o território da Beira Interior. Propõe-se sinalizar, divulgar, desenvolver e promover turisticamente as marcas e os caminhos associados à milenar cultura laneira da região.

Partindo dos resultados de investigação do projeto comunitário Rota da Lã - Translana (2000-2009), liderado pelo Museu de Lanifícios da UBI, a proposta estrutura-se em três dimensões de intervenção. A primeira, centrada nas vias da transumância, deslocação de rebanhos de ovelhas e pastores, em busca de alimento e em função dos ritmos climáticos e da orografia, vulgarmente designadas por “canadas”, bem como o património agropastoril associado. A segunda baseia-se na Rota da Lã - TRANSLANA, itinerário peninsular que levava às fábricas da Covilhã a matéria-prima, a lã, proveniente de Espanha, sulcando troço da importante via romana Emerita Augusta (Mérida) - Bracara Augusta (Braga). Por fim, a terceira dimensão baseia-se no património industrial, constituído por complexos e edifícios industriais para a transformação da lã, integrado em centros populacionais especializados em toda a área da Serra da Estrela.

A proposta tem como objetivos facilitar o acesso ao conhecimento, disponibilizar meios e ferramentas turísticas de exploração das evidências patrimoniais materiais (dos caminhos às fábricas) e potenciar a descoberta e o contacto direto com o património imaterial (das tradições, às estórias e testemunhos de vida).

Uma das mais-valias deste projeto é a associação entre a história e o património e as novas tecnologias da informação e comunicação (TIC), nomeadamente ao nível da disponibilização gratuita de mapas digitais, guias/roadbooks, a partir do portal do Museu de Lanifícios da UBI, bem como o acesso a informação adicional através de códigos QR e ainda a disponibilização de kit “têxtil com memória” (produto em lã onde está embebida tecnologia NFC - Near Field Communication).

Rota da Lã Explorer tem uma duração prevista de 24 meses e um investimento de 150 mil euros.

A votação está aberta até 15 de setembro e pode ser feita através do portal do OPP (https://opp.gov.pt/) ou enviando um SMS grátis para o número 3838, OPP <espaço> 675 <espaço> <Número de Identificação Civil>. O Número de Identificação Civil deve incluir os dígitos de controlo, 4 dígitos adicionais no caso do Cartão de Cidadão ou 1 dígito adicional no caso do Bilhete de Identidade.

Mais informação
Cartaz
Flyer
Votação 

Data última atualização: 2017-07-04

Partilhar

 

Data da última atualização: 2017-07-04
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.