Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Eventos
  3. UBI apresenta aplicações gratuitas para empresas agroalimentares

UBI apresenta aplicações gratuitas para empresas agroalimentares

Vão ser organizados dois workshops nos dias 28 e 29 de maio para dar a conhecer e mostrar como podem ser utilizados os programas informáticos.

  De 28 a 29 de maio de 2018  

  •   UBI

O sector agroalimentar português vai ter à disposição ferramentas informáticas gratuitas, criadas para ajudar a aumentar a produtividade/eficiência de processos, a eficiência energética e reduzir perigos e riscos, especialmente nos sectores dos produtos cárneos, lácteos, hortofrutícolas e de padaria/pastelaria. No final de maio, nos dias 28 e 29, a Universidade da Beira Interior (UBI) abre as portas às empresas e a todos os interessados em conhecer estas ferramentas, organizando dois workshops para fazer a sua apresentação e explicar como podem ser utilizadas. A participação é gratuita, mediante inscrição.

Os programas informáticos estão a ser desenvolvidos pelo projeto +Agro, um consórcio que é coordenado pela UBI e serão disponibilizados ainda este ano. As ferramentas computacionais criadas são simples e expeditas, e pretendem ser uma mais-valia na produtividade e competitividade das empresas agroalimentares.

Foram desenvolvidas para colmatar as falhas e ineficiências detetadas durante a realização dos relatórios realizados no âmbito do +Agro e que descrevem a Gestão Organizacional, a condições de Segurança e Saúde no Trabalho e a Eficiência Energética no sector agroalimentar Português.

As ferramentas são de três grandes áreas: riscos, gestão empresarial e desempenho energético.

No plano da avaliação de riscos, permite identificar os perigos mais comuns e indicar soluções e procedimentos para minimizar os seus riscos. Contribuem para a melhoria das condições de trabalho e do desempenho das empresas. Estas ferramentas foram validadas pela Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT), como Ponto Focal da Agência Europeia para a Segurança e Saúde no Trabalho (EU-OSHA). 

Quanto ao sistema integrado de gestão empresarial, é constituído por um software ERP - enterprise resources planning simplificado e adaptado às empresas do sector agroalimentar que permite gerir, numa única plataforma, os fluxos de materiais e as operações de uma empresa. É baseado num sistema modular que pode ser facilmente adaptado às necessidades específicas de cada empresa. Possibilita o acesso remoto para, por exemplo, colocação de encomendas por parte de vendedores. Integra, entre outros, módulos de compras, vendas (incluindo acompanhamento de clientes e propostas), gestão de stocks, planeamento e controlo da qualidade. Gera, automaticamente, relatórios que podem ser utilizados na avaliação do desempenho.

No plano do desempenho energético, a ferramenta dará apoio à tomada de decisões neste campo, simulando o desempenho energético das empresas, identificação dos perfis de consumo energético das unidades industriais e apontará soluções e ações que contribuam para uma melhoria efetiva da eficiência energética.

A apresentação e capacitação das ferramentas e a sua utilização decorre nos dias no dia 28 e 29 de maio, pelas 14h00, na Departamento de Engenharia Eletromecânica, no Anfiteatro 8.01 (dia 28) e Anfiteatro 8.12 (dia 29).

O projeto +AGRO envolve um consórcio de seis instituições de Ensino Superior portuguesas (UBI, Universidade de Évora e os institutos politécnicos de Coimbra, Castelo Branco, Guarda e Viana do Castelo) e uma associação do sector agroindustrial (InovCluster). Está em execução desde outubro de 2016, com financiamento global superior a um milhão de euros, cofinanciado pelo Programa Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER, e destina-se a potenciar a competitividade de PME’s do sector agroalimentar através de melhorias ao nível da gestão organizacional, da eficiência energética e da SST.

Mais informação
Ficha de inscrição

Data última atualização: 2018-05-21

Data da última atualização: 2018-05-21
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.