Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. UBI integra projeto internacional sobre empreendedorismo nas tecnologias da educação

UBI integra projeto internacional sobre empreendedorismo nas tecnologias da educação

  26 de fevereiro de 2021  

Img:

Com duração de três anos, o projeto ENTER_EdTech envolve parceiros industriais e educacionais da Europa e Estados Unidos da América.

A Universidade da Beira Interior (UBI) é uma das instituições envolvidas no Projeto ENTER_EdTech – Entering the EdTech Entrepreneurship World, que tem por finalidade melhorar a qualidade do ensino do empreendedorismo no sector das tecnologias de educação, aumentar o número de novas empresas, bem como a qualidade e inovação dos produtos neste setor, juntando parceiros industriais e educacionais com experiência empreendedora.

Candidatado à ação KA2: Cooperation for innovation and the exchange of good practices - Knowledge Alliances do Programa ERASMUS +, o projeto obteve um financiamento de quase um milhão de euros e vai funcionar nos próximos três anos.

O ENTER_EdTech envolve, no total, nove parceiros europeus e um norte-americano: University of Peiraeus Research Centre (Grécia), Research Centre on Interactive Media, Smart Systems and Emerging Technologies [RISE] (Chipre), PIA d.o.o., Information Systems and Services Ltd.  (Eslovénia), xEdu Ltd. (Finlândia), GrantXpert Consulting Ltd [GX] (Chipre), Greek Academic Network [GUnet] (Grécia), LearnLaunch Accelerator II Management LLC [LearnLaunch] (USA), Heidelberg University of Education [HUE] (Alemanha) e a Universidade da Beira Interior.

Na UBI, a coordenação do ENTER_EdTech está a cargo de Helena Alves, docente do Departamento de Gestão e Economia da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas e investigadora do NECE-UBI. A equipa ubiana integra ainda os docentes e investigadores Mário Raposo, Arminda do Paço, Ricardo Gouveia Rodrigues, Carla Pereira, Vítor Figueiredo e Pedro Inácio.

O arranque do Projeto teve lugar no dia 20 de janeiro, através de uma reunião online entre as equipas de cada um dos parceiros. Para Helena Alves, trata-se de um “projeto inovador, uma vez que a área de trabalho se encontra muito pouco desenvolvida em Portugal e, inclusivamente, a nível mundial”. “O ENTER_EdTech é muito importante, pois a UBI pode vir a ser um «embrião» na criação de startups tecnológicas na área da educação”, salienta a responsável pela coordenação do projeto na instituição covilhanense.  

Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.

Partilhar

Data da última atualização: 2021-02-26
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.