Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Psicologia
  4. Necessidades Educativas Especiais

Necessidades Educativas Especiais

Código 11836
Ano 3
Semestre S2
Créditos ECTS 6
Carga Horária T(30H)/TP(30H)
Área Científica Psicologia
Tipo de ensino Presencial.
Estágios Não se aplica.
Objectivos de Aprendizagem Esta UC pretende constituir uma introdução ao estudo da Educação Inclusiva (EI), promovendo a aquisição de conhecimentos sobre as diferentes problemáticas e a adoção de uma perspetiva integradora, reflexiva e sistémica do apoio psicoeducativo na área. No final da UC, o estudante deve ser capaz de:
1. expressar-se com um vocabulário adequado sob o ponto de vista técnico, científico e ético;
2. contextualizar a EI no âmbito das políticas educativas atuais;
3. conhecer a organização dos serviços de apoio à aprendizagem e à EI em Portugal;
4. identificar e caracterizar as problemáticas mais frequentes no âmbito da EI;
5. reconhecer métodos de avaliação e de intervenção sobre algumas problemáticas;
6. pesquisar, analisar, integrar e comunicar informação científica na área da EI com rigor, clareza e espírito crítico;
7. desenvolver competências de trabalho colaborativo.
Conteúdos programáticos I. Educação Inclusiva: delimitação de conceitos e abordagens;
II. Respostas psicoeducativas: da intervenção precoce à transição para a vida pós-escolar;
III. Sobredotação e Talento;
IV. Perturbação de Hiperactividade/Défice de Atenção;
V. Perturbação da Aprendizagem Específica;
VI. Incapacidades Intelectuais;
VII. Perturbação do Espectro do Autismo.
Bibliografia principal . Almeida, L. S., Fleith, D. S. & Oliveira, E. P. (2013). Sobredotação: Respostas educativas. Braga: ADIPSIEDUC.
. Balchin, T., Hymer, B. & Matthews, D. J. (2009). The routledge international companion to gifted education. London: Routledge.
. Correia, L. M. (2008). A escola contemporânea e a inclusão de alunos com NEE: Considerações para uma educação com sucesso. Porto: Porto Editora.
. Cruz, V. M. (2009). Dificuldades de aprendizagem específicas. Lisboa: Lidel.
. Ferreira, M. S. (2007). Educação regular. Educação especial: Uma história de separação. Porto: Afrontamento.
. Magnusen, C. L. (2005).Teaching children with autism and related spectrum disorders: An art and a science. London: Jessica Kingsley.
. Sosin, M. (2006). Compreender a desordem por défice de atenção e hiperactividade. Porto: Porto Editora.
. Swanson, H., Harris, K. & Graham, S. (2013). Handbook of learning disabilities (2nd Ed.). New York: Guilford Press.
Língua Português
Data da última atualização: 2020-03-02
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.