Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Ensino de Português e de Espanhol no 3º Ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário
  4. Didática do Espanhol I

Didática do Espanhol I

Código 12045
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 9
Carga Horária TP(60H)
Área Científica Didática do Espanhol
Tipo de ensino Teórico-prático.
Estágios Não se aplica.
Objectivos de Aprendizagem -Adquirir uma formação básica em conteúdos metodológicos no ensino de ELE.
-Dotar o discente dos principais fundamentos metodológicos nos quais é baseado atualmente o ensino de línguas estrangeiras.
-Conhecer e empregar adequadamente o Q.C.E.R.L.
-Examinar o enfoque comunicativo, o enfoque por tarefas, a contrastividade e a dimensão intercultural como elementos chaves do ensino de ELE em Portugal.
-Aprofundar na análise crítica dos diferentes métodos de ensino de ELE em Portugal usados nos ciclos de ensino básico e secundário.
-Refletir criticamente sobre o processo de aprendizagem e ensino das línguas e ser capaz de extrair conclusões para a futura prática docente.
-Refletir sobre as crenças pessoais relativas aos papéis do docente, do discente e da língua no processo de aquisição/aprendizagem de uma Segunda Língua.
Conteúdos programáticos 1. A aquisição de línguas segundas
1.1. A linguística
1.2. A linguística aplicada
1.3. A linguística contrastiva
1.4. Sociolinguística
1.5. Didática de línguas e culturas
1.6. A interlíngua
1.7. Análise de erros
2. Métodos e enfoques no ensino de ELE
2.1. Os métodos estruturalistas: o método áudio-oral/áudio-linguístico e situacional.
2.2. O enfoque cognitivo
2.3. O enfoque comunicativo ou nócio-funcional
2.4. O ensino de LE na atualidade: O Quadro comum de referência europeu para a aprendizagem, o ensino e a avaliação das línguas (QCERL)
O enfoque por tarefas. Conceitos metodológicos atuais. O caso do ensino do espanhol em Portugal.
O PCIR (Plan Curricular del Instituto Cervantes)
3. O Dicionário terminológico (2008). Terminologia vigente face à do espanhol
4. Os conteúdos e o ensino na aula de ELE. Planificação da aula
4.1. Conteúdos linguísticos ou gramaticais
4.2. Funcionais ou comunicativos
4.3. Culturais ou socioculturais
4.4. Léxico-semânticos
4.5. Estratégicos
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação A avaliação é baseada em:
1.6 > 20%
1.7; 3; 4 > 40% 1ª exposición / 40% 2ª exposición

Bibliografia principal -Alonso Encina (1996): ¿Cómo ser profesor y querer seguir siéndolo? Madrid, Edelsa. -Baralo, M. (1999): La adquisición del español como lengua extranjera. Madrid, Arco/Libros. -Melero Abadía, P. (2000): Métodos y enfoques en la enseñanza/aprendizaje del español como lengua extranjera.
Madrid, Edelsa. -Pastor Cesteros, S. (2004): Aprendizaje de segundas lenguas. Lingüística aplicada a la enseñanza de idiomas. Publicaciones de la Universidad de Alicante. -Sánchez Lobato, J. e I. Santos Gargallo (dirs.) (2004): Vademécum para la formación de profesores. Enseñar español como segunda lengua (L2) / lengua extranjera (LE). Madrid, SGEL. -Santos Gargallo, I. (1993): Análisis contrastivo, análisis de errores e interlengua en el marco de la lingüística contrastiva. Madrid, Síntesis. -Richards, Jack C. e Rodgers, Theodore S. (2003): Enfoques y métodos en la enseñanza de idiomas. Madrid, Cambridge University Press.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-10-18
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.