Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Estudos de Cultura
  4. Economia e Sociologia da Cultura

Economia e Sociologia da Cultura

Código 13008
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 9
Carga Horária OT(15H)/TP(45H)
Área Científica Cultura
Tipo de ensino Presencial.
Objectivos de Aprendizagem Sensibilizar os estudantes para os fundamentos teóricos da economia da cultura e para a análise empírica das atividades culturais e criativas, sinalizando a especificidade destas atividades, para os contributos que delas resultam para a análise económica (PIB, VAB, emprego, etç) e a atuação pública no campo das políticas culturais, numa perspetiva aberta e interdisciplinar. Fornecer conhecimentos sobre os fundamentos científicos da sociologia da cultura e da produção cultural. Dotar os estudantes de instrumentos que lhes permitam problematizar os efeitos das relações de poder (económico e político) na valorização estética dos produtos artísticos em contextos centrais e periféricos. No final da UC, os alunos deverão ser capazes de avaliar a importância económica das atividades culturais e indústrias criativas, e sua importância social para as economias através do impacto no emprego. A análise incidirá sobre Portugal, UE e OCDE, assim como sobre contextos de produção cultural periféricos.
Conteúdos programáticos Módulo de Sociologia:
1. Abordagem conceptual de cultura e níveis de cultura
2. A sociologia da cultura como disciplina: objecto e aproximações teórico-metodológicas
3. Criatividade e produção artística
4. As condições sociais da produção artística
5. As instituições de regulação estético- política
6. Profissionalização e organização da atividade artística
7. As estéticas da globalização e as indústrias criativas
Módulo de Economia:
1. A economia da cultura como disciplina e o seu objeto de estudo
2. Os fundamentos económicos da cultura e das artes: conceitos substantivos
3. A relação entre economia do bem-estar e economia cultural
4. O peso económico da cultura e o desenvolvimento sustentável
5. Avaliação económica dos impactos da cultura e das artes por via de métodos quantitativos e qualitativos.
6. As cidades criativas e inteligentes e o seu papel na economia criativa
7. As políticas culturais e financiamento das atividades culturais
8. Os mercados de bens, produtos e se
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Para além da docência normal por parte do/s responsável/eis a UC procurará programar seminários/conferências durante as aulas ministrados por especialistas académicos ou não, e viagens de estudo, sobre temas ou casos específicos para discussão e trabalho com os estudantes; esses seminários apresentarão e discutirão casos de estudo, privilegiando diversas abordagens a diversas temáticas económicas no domínio da cultura.

Bibliografia principal Becker, Howard 2010 (1984). Mundos da arte, Lisboa: Livros Horizonte
Benhamou, Françoise (2004). L’ économie de la culture (5ª ed), Paris, Éditions La Découverte
Bourdieu, Pierre 1996 (1992). As regras da arte. Génese e estrutura do campo literário, Lisboa: Editorial Presença
Caves, Richard (2002). Creative Industries: Contracts between Art and Commerce, Cambridge / London: Harvard University Press
Costa, Pedro (2007). A Cultura em Lisboa: Competitividade e desenvolvimento territorial. Lisboa: Imprensa de Ciências Sociais
Luhmann, Nikklas [2000 (1995)]. Art as a Social System, Stanford: Stanford University Press
Mira, Feliciano de (2018) Ao Correr do Olhar – Contributos para uma Epistemologia Poética, Coimbra: Almedina.
Mira, Feliciano de. (2016) Portugal Engalanado por Mares Tecidos a Ponto Cruz In: Sociedade em Debate.1 ed.Vila Nova de Famalicão : Humus, v.1, p. 135-159.
Throsby, David C. (2003). Economics and Culture, 2nd Edition. Cambridge: Cambridge University Press
Towse, Ruth (
Língua Português
Data da última atualização: 2020-03-02
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.