Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Estudos de Cultura
  4. Seminários

Seminários

Código 13021
Ano 2
Semestre A1
Créditos ECTS 6
Carga Horária OT(4H)/S(39H)
Área Científica Cultura
Objectivos de Aprendizagem Concluída e consolidada a formação teórica e prática, de base oficinal, do primeiro ano, e sinalizado o output que traduzirá as competências globais dos estudantes no final do seu percurso formativo (dissertação, projeto ou estágio com relatório), pretende-se que os alunos tenham ao seu dispor ferramentas interpretativas e reflexivas que possam simultaneamente guiá-los na prossecução do seus projetos finais, sejam eles de natureza científica ou projetual, e recentrar esse trabalho, que por inerência de sentido será desenvolvido pelos estudantes com maior autonomia, no contexto dos modelos conceptuais e hermenêuticos que se revelem mais adequados à consecução desses objetivos. Isso permitirá uma supervisão vigorosa e permanente do trabalho desenvolvido pelos estudantes, seja no sentido de dirimir dúvidas que a prossecução dos trabalhos inevitavelmente suscitará, seja ainda no desenvolvimento de novas possibilidades hermenêuticas e categoriais que prometam imprimir novas dinâmicas aos trabalhos.
Conteúdos programáticos Os conteúdos programáticos desta UC traduzem, na concretude das suas prioridades, uma dupla preocupação: cotejar as três áreas de especialização deste Ciclo de Estudos, fazendo-o respeitando integralmente as possibilidades oferecidas pelas três vias que se perfilam à saída da formação dos alunos: dissertação, projeto ou estágio com relatório. Da aproximação destes dois objetivos complementares resulta a sinalização das seguintes opções programáticas:
Tema 1.
Da cultura do empreendedorismo ao empreendedorismo cultural: desafios e oportunidades.
Tema 2.
Cultura e Artes: aproximações e dissídios.
Tema 3.
Que há de cultural nas políticas culturais?
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Tratando-se de uma UC anual, a avaliação final será expressa no fim deste ano curricular. Essa avaliação final será, todavia, expressão dos trabalhos desenvolvidos ao longo de todo o ano, cabendo ao Semestre de Inverno (SI) a definição de 50% dessa avaliação anual. Para a determinação da avaliação final, serão considerados os itens seguintes:
1. Relatórios St’s: (densidade, maturação, evolução, consolidação) 15%
2. Relatório Sessão Temática 15%
3. Apresentação intercalar + documento autoavaliação 30%
4. Paper acompanhado de parecer 40%
Bibliografia principal A bibliografia será indicada em função dos temas abordados em cada sessão de Seminário e da avaliação da concretude dos projetos individuais dos alunos. Sem prejuízo dessa orientação, e para além da bibliografia específica a definir nos termos supramencionados, recomenda-se a consulta dos manuais seguintes, enquanto são representativos dos blocos temáticos a explorar nesta UC.
A CIÊNCIA como Cultura, Imprensa Nacional –Casa da Moeda, Lisboa, 1992
BARILLI, Renato, Ciência da cultura e Fenomenologia dos estilos, Ed. Estampa, 1995
BAUMAN, Zygmunt, Ensaios sobre o conceito de Cultura, Zahar, Rio de Janeiro, 2012
MARQUES, Fernando Pereira, De que falamos quando Falamos de Cultura? Ed. Presença, Lisboa, 1995
MARQUES, Fernando Pereira, Cultura e Política(s), Âncora Editora, Lisboa, 2014
RUBIM, António, Cultura e Políticas Culturais, Azougue, Rio de Janeiro, 2011
RUBIM, António, FERNANDES, Taiane & RUBIM, Iuri (Org.), Políticas Culturais, Democracia & Conselhos de Cultura, Eufba, Salvador,2011
Língua Português
Data da última atualização: 2020-05-09
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.