Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Sociologia
  4. Sistemas de Estados e Regimes Internacionais

Sistemas de Estados e Regimes Internacionais

Código 13154
Ano 3
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária TP(60H)
Área Científica Relações Internacionais
Tipo de ensino Presencial e diurno
Estágios Não se aplica
Objectivos de Aprendizagem Objetivo Geral
Capacitar o aluno para a análise crítica e fundamentada sobre os sistemas de Estados e os regimes internacionais, incluindo os principais mecanismos de regulação a nível mundial.

Objetivos Específicos
1. Disponibilizar um mapeamento conceptual e teórico que analisam os sistemas de Estados e os regimes internacionais;
2. Estimular a pesquisa orientada em função de temas e casos atuais no quadro das Relações Internacionais;
3. Promover o debate fundamentado e a discussão temática com um sentido crítico.

Resultados esperados
É esperado que, no final do semestre, o aluno:
1. Conheça os principais conceitos e as abordagens teóricas que estudam a problemática dos sistemas de Estados e regimes internacionais;
2. Revele capacidade para proceder a uma análise crítica sobre os tipos diferentes atores e os mecanismos de regulação internacional;
3. Identifique e selecione fontes de informação relevantes para a investigação sobre temas enquadrados pela Ciência Política e Relações Internacionais;
4. Analise adequadamente e de forma crítica a informação selecionada;
5. Demonstre capacidade de comunicação escrita e oral.
Conteúdos programáticos Conteúdos programáticos
1. Introdução aos principais conceitos
1.1. As relações entre os Estados e os sistemas de Estados
1.2. Relações Internacionais e regimes internacionais
1.3. Hierarquia de Estados? Regulação entre potências de diferentes dimensões
2. Modelos de configuração e ordenamento de sistemas de Estados
2.1. Polar; bipolar; triádico; multipolar; global
2.2. Organizações de sistemas de Estados
2.3. A importância das Organizações Internacionais
3. Fundamentação teórica nos estudos sobre sistemas de Estados e regimes internacionais
4. Sistemas de Estados, regimes internacionais e cooperação internacional
4.1. Mecanismos bilaterais e multilaterais
4.2. Atores de cooperação internacional
4.3. Cooperação financeira, técnica e ajuda de emergência
4.4. Clusters de cooperação, coerência e eficácia
4.5. Dos objetivos aos impactos dos programas de cooperação
5. Balanço das práticas no contexto atual
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Trabalho escrito (50%).
Perguntas e Respotas (50%).
Bibliografia principal Bibliografia principal:
Krasner, Stephen (2012). “Causas estruturais e consequências dos regimes internacionais: regimes como variáveis intervenientes” in Revista de Sociologia Política, Curitiba, Vol. 20, nº 42: 93-110
Rosenau, James et Czempiel, Ernst (2000). Governança sem governo: ordem e transformação na política mundial. Brasília: Editora da Universidade de Brasília
Bibliografia complementar:
Bull, Hedley (2002). A sociedade anárquica. Um estudo da ordem na política mundial. Coleção Clássicos IPRI. Brasília: Editora da Universidade de Brasília
Castro, Thalles (2012). Teoria das Relações Internacionais. Brasília: Fundação Alexandre de Gusmão
Carvalho, Gustavo (2005). “Autonomia e relevância dos regimes” in Contexto Internacional. Rio de Janeiro, vol. 27, no 2, julho/dezembro: 283-329.
Cox, Robert (2009). “Social Forces, States and World Orders: Beyond International Relations Theory”. In Millennium – Journal of International Studies, Vol. 10, Nº 2: 126-155
Fiori, José Luís (2005). “Sobre o poder global”. In Novos Estudos, 73: 61-72
Gilpin, Robert (2002). A economia política das Relações Internacionais”. Brasília: Editora da Universidade de Brasília
Keohane, Robert; Nye, Joseph (1987). “Power and interdependence”. In International Organization, Vol. 41, No. 4 (The MIT Press): 725-753
Krasner, Stephen (1983). International Regimes. Ithaca: Cornell Press
Serafim Penatti Aline Lara (2010). “Sistema político mundial: os Estados e as Relações Internacionais” in V Congreso Latinoamericano de Ciencia Política. Asociación Latinoamericana de Ciencia Política, Buenos Aires.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-02-15
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.