Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Ciências Biomédicas
  4. Imunologia Clínica

Imunologia Clínica

Código 13512
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária TP(60H)
Área Científica Ciências Biomédicas
Tipo de ensino Presencial
Estágios Não aplicável
Objectivos de Aprendizagem (1) Aprofundar a compreensão dos fenómenos e aspectos mais relevantes da estrutura, dinâmica e funções do sistema imunitário em humanos, na saúde e na doença.
(2) Desenvolver o pensamento crítico acerca da investigação em Imunologia Clínica.
(3) Analisar as ferramentas de implementação de estudos científicos em Imunologia Clínica.
(4) Reconhecer os avanços e as limitações da Imunologia Clínica, no que respeita à imunopatologia e imunomodulação de várias patologias em humanos.

Os alunos no final desta UC devem ser capazes de:
(1) Integrar e aplicar conhecimentos de imunopatologia básica no campo da Imunologia Clínica.
(2) Reconhecer e aplicar princípios de diagnóstico laboratorial e clínico a patologias do foro da Imunologia Clínica.
(3) Dominar os princípios básicos de intervenção terapêutica no campo da Imunologia Clínica.
(4) Adquirir a capacidade de análise crítica de artigos científicos do foro da Imunologia Clínica.
(5) Ter o domínio da concepção e da adequação de projecto de investigação científica na área da Imunologia Clínica.
Conteúdos programáticos 1. REVISÕES DOS CONCEITOS BÁSICOS DE IMUNOLOGIA
2. REACÇÕES DE HIPERSENSIBILIDADE.
3. TOLERÂNCIA, AUTOIMUNIDADE E DOENÇAS AUTOIMUNES. Autoimunidade e doença autoimune. Doenças autoimunes: aspectos gerais e imunopatológicos, testes diagnósticos.
4. DOENÇAS ATÓPICAS ALÉRGICAS. Imunopatologia: células Th2, eosinófilos, linfócitos B, mastócitos. Testes diagnósticos: in vivo (testes cutâneos) e in vitro (IgE específica). Imunoterapia e corticoterapia.
5. IMUNIDADE ANTI-TUMORAL. Resposta imunitária contra tumores (células dendríticas, células T CD8+, células T CD4+, células B, células NK cells). Mecanismos de escape à imunovigilância anti-tumoral. Tratamento imunológico de tumores.
6. IMUNIDADE ANTI-INFECCIOSA. Imunidade anti-bacteriana, anti-viral e anti-parasitária. Mecanismos de escape à imunovigilância anti-infecciosa. Vacinação.
7. IMUNODEFICIÊNCIAS PRIMÁRIAS (IDP). Deficiências de células B e T. Deficiências do sistema imunitário inato. Diagnóstico e tratamento de IDP.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Aulas magistrais, em flipped classroom e seminários interactivos. Apresentação e discussão de propostas de
projectos de investigação pelos alunos.

ENSINO-APRENDIZAGEM
Nota Final = Avaliação teórica (AT - média das 2 frequências) x 0,6 + Avaliação Contínua (AC) (PA=participação nas aulas x 0,5 + API = apresentação de proposta de projecto de investigação x 0,5) x 0,4

Para Estudantes-Trabalhadores:
Nota Final = Avaliação teórica (AT - média das 2 frequências) x 0,6 + API = apresentação de proposta de projecto de investigação x 0,4

EXAME FINAL
Nota Final = Avaliação teórica (AT - Exame) x 0,6 + Avaliação Contínua (AC)x0,4
A Avaliação Contínua (AC) é calculada da seguinte forma:
- participação nas aulas (PA) x 0,5 + apresentação de proposta de projecto de investigação (API) x 0,5

Para estudantes-Trabalhadores:
Nota Final = Avaliação teórica (AT - Exame) x 0,6 + API = apresentação de proposta de projecto de investigação x 0,4
Bibliografia principal (1) “Kuby Immunology” (6ª Edição; 2007); Goldsby, Kindt & Osborne (Eds.); W.H. Freeman & Company
(2) “Fundamentos de Imunologia” (1ª Edição; 2007); Arosa, Cardoso & Pacheco (eds.); LIDEL
Língua Português
Data da última atualização: 2020-01-17
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.