Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Matemática e Aplicações
  4. Equações às Diferenças e Aplicações

Equações às Diferenças e Aplicações

Código 15372
Ano 2
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária TP(60H)
Área Científica Matemática
Objectivos de Aprendizagem (i) Apreender alguns conceitos e resultados fundamentais da teoria das equações às diferenças;
(ii) Utilizar conceitos e resultados da teoria das equações às diferenças para analisar uma determinada equação ou sistema de equações às diferenças;
(iii) Reconhecer alguns exemplos de aplicação das equações às diferenças na modelação de fenómenos das ciências exatas e sociais.
(iv) Analisar e compreender demonstrações matemáticas;
(v) Comunicar, escrita e oralmente, utilizando linguagem matemática;
Conteúdos programáticos 1. Equação às diferenças de 1.ª ordem
1.1 Equações lineares;
1.2 Diagramas de teia de aranha e estabilidade de pontos de equilíbrio;
1.3 Estabilidade de órbitas periódicas;
1.4 Bifurcação e Teorema de Sharkovsky;
1.5 Bacia de atração e estabilidade global.

2. Equações às diferenças escalares
2.1 Operadores deslocamento, diferença e anti-diferença
2.2 Equações lineares homogéneas e não-homogéneas;
2.3 Comportamento assintótico.

3. Sistemas de equações às diferenças
3.1 O algoritmo de Putzer discreto;
3.2 Matriz fundamental e fórmula de variação das constantes;
3.3 Sistemas autónomos: forma canónica de Jordan;
3.4 Sistemas lineares periódicos: expoentes de Floquet.

3. Estabilidade de sistemas de equações às diferenças
3.1 Estabilidade de sistemas lineares;
3.2 Estabilidade através da linearização;
3.3 Teorema de estabilidade de Lyapunov e princípio de invariância de LaSalle.

5. Transformada Z
5.1 Definição e propriedades;
5.2 Transformada inversa;
5.3 Equações de tipo convolução.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação As aulas serão teórico-práticas. O docente apresenta os conceitos, enuncia os resultados, demonstrando muitos deles e discute exemplos de aplicação. O estudante é incentivado a participar nas aulas, interagindo com o professor e por vezes resolvendo exercícios. É ainda incentivado o trabalho autónomo, consistindo este maioritariamente na realização de exercícios, muitos dos quais baseados em equações ou sistemas de equações que surgem nas aplicações e que complementam os que forem apresentados nas aulas. Na interação com o professor será promovido o aperfeiçoamento da utilização, escrita e oral, da linguagem matemática.
A avaliação realizada ao longo do período de ensino-aprendizagem consistirá em duas provas escritas, cada uma cotada para 10 valores. A classificação final será a soma das classificações das duas provas escritas, arredondada à unidade. O estudante poderá ainda realizar um exame final cotado para 20 valores.
Bibliografia principal - Elaydi, S. (2005). An Introduction to Difference Equations. (3ª edição). Springer.
- Elaydi, S. (2008). Discrete Caos. (2ª edição). Chapman & Hall/CRC.
- Kelley, W.G. & Peterson, A.C. (2000). Difference Equations - An Introduction With Applications. Academic Press.
- Goldberg, S. (1986). Introduction to Difference Equation. New York: Dover.
- Agarwal, R.P. (1992). Difference Equations and Inequalities. New York: Marcel Dekker.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-10-21
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.