Exposição bibliográfica "Medicina de desastres e Medicina de emergência"

De 03 a 31 de janeiro de 2022  Exposição
Img:

 
Biblioteca da Faculdade de Ciências da Saúde (BFCS)
 
Sabe qual a diferença entre a medicina de desastres e a medicina de emergência?
 
Na medicina, urgência e emergência representam os tipos de cuidados com os pacientes após a chegada ao hospital. São dois conceitos distintos, que muitas vezes são utilizados de forma errônea como sinônimos. Primeiramente, é importante ressaltar que as diferenças entre urgência e emergência são determinantes para salvar vidas e reduzir sequelas. Ambas necessitam de uma ação médica imediata na classificação de risco, mas definem situações distintas.
Medicina de urgência é o ramo da medicina envolvido com a avaliação e tratamento inicial de problemas médicos de urgência e emergência, como os causados por acidentes, traumas, doenças súbitas, envenenamentos ou desastres. A assistência médica de emergência pode ser fornecida em hospital ou em locais fora de instalações médicas. A medicina de desastre é o ramo da medicina de urgência que se preocupa com o conhecimento médico que se ocupa da prevenção, resposta imediata, recuperação e reabilitação de pacientes com patologias adquiridas em circunstâncias de desastres. Estas são situações que envolvem um grande número de vítimas, por exemplo, em desastres de cariz natural, tecnológico, da sociedade e sanitário.
 
Visite, #requisiteeleia esta exposição bibliográfica patente na BFSC durante todo o mês de janeiro.

As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação que permitem a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.