Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Design Industrial
  4. Desenho II

Desenho II

Código 12715
Ano 1
Semestre S2
Créditos ECTS 6
Carga Horária OT(15H)/TP(90H)
Área Científica Arte e Design
Tipo de ensino Presencial.
Estágios Não aplicável.
Objectivos de Aprendizagem . Entendimento dos códigos visuais de representação relativa aos referentes estudados.
. Apreensão formal de processos e técnicas de representação rigorosa à mão-livre.
. Desenvolver capacidades efetivas de representação e entendimento da linguagem aplicada.
. Reconhecimento histórico/ teórico/ prático da Perspetiva enquanto ciência do Desenho.
. Entendimento dos códigos visuais de representação relativa aos referentes estudados.
. Apreensão formal de processos e técnicas de representação rigorosa à mão-livre.
. Desenvolver capacidades efetivas de representação e entendimento da linguagem aplicada.
. Reconhecimento histórico/ teórico/ prático da Perspetiva enquanto ciência do Desenho.
Conteúdos programáticos Exploração gráfica da linguagem estrutural do Desenho.
Linha, Linha de Contorno, Superfície, Contorno de Superfície e Modelação gráfica.
Gesto e Expressão.
Sistemas de projecção e métodos de representação rigorosa.
Desenho e Perspectiva.
Princípios fundamentais da Perspectiva.
Referências históricas.
Aplicações da Perspectiva.
Princípios formais do Desenho em Perspectiva e Técnicas de Representação aplicadas no Desenho de observação.
Esquiço, Esboço Cotado e Ilustração para Design Industrial.
Diário gráfico: práticas de representação e desenvolvimento expressivo.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Sessões TP a par de um processo tutorial apoiado no pressuposto de uma prática individual intensiva, caracterizada na análise de características visuais dos referentes propostos e de obra gráfica de referência.
São desenvolvidas competências, tendo em conta o grau de objetividade, a capacidade de observação e consequente registo dos referentes propostos, a manipulação e síntese em diversos meios atuantes, a aplicação de conhecimentos teóricos da linguagem estrutural do Desenho, criatividade e invenção no domínio da composição, expressão e domínio na aplicação de conceitos afins à organização e estruturação das páginas, bem como método e coerência no conjunto das respostas visuais aos referentes propostos.
A avaliação é realizada de um modo contínuo, nos exercícios propostos nas horas de contacto. Destes, serão propostos a avaliação final, os exercícios analisados pelo docente. Serão igualmente avaliados os trabalhos resultantes de propostas de trabalho de campo.
Bibliografia principal Arneihm, Rudolf. (1990). Art and Visual Perception (The New Version). Berkeley: University of California
Press.
Arneihm, Rudolf. (1990). O Poder do Centro. Lisboa: Edições 70.
Berger, John. (1982). Modos de Ver. Lisboa: Edições 70.
Cunha, Luís Veiga da. (2010). Desenho Técnico. Lisboa: FCG
Huyghe, Rene (1986) O Poder da imagem. Lisboa: Ed 70.
Massironi, Manfredo. (1996). Ver pelo Desenho. Lisboa: Edições 70.
Molina, Juan José Gómez. (1992). El Dibujo. Belleza, Razon, Orden y Artificio. Cátedra.
Murray, Ray. (1980). Manual de técnicas. Barcelona: GG.
Munari, Bruno. (1968). Design e Comunicação Visual. Lisboa: Edições 70.
Panofsky, Erwin. (2006, Ed/ Reimp.). A Perspectiva como Forma Simbólica. Lisboa: Edições 70.
Rodrigues, Ana Leonor. (2003). Desenho. Lisboa: Quimera Editores, Lda.
Simblet, Sarah. (2005). Desenho. Lisboa: Editora Civilização.
White, Gwen. (2000). Perspectiva para Artistas, Arquitectos e Desenhadores. Lisboa: Ed. Presença.
Língua Português
Data da última atualização: 2022-07-05
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.