Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Química Industrial

Química Industrial

2º Ciclo     Departamento de Química

Plano de Estudos/Ramos   Química Industrial
Código DGES
9443
Área CNAEF 524 | Portaria n.º 256/2005
Publicação em Diário da República Despacho n.º 16564/2013 - DR 2.ª série, n.º 247, 20 dezembro
Avaliação/Acreditação/Registo Acreditação A3ES
Registo DGES R/A-Ef 1350/2011, 18-03-2011
Regime de Funcionamento Diurno
ECTS 120

Regime Geral de Acesso  

Requisitos de Admissão

Os candidatos devem preencher um dos seguintes requisitos:
- Ser titular do grau de licenciado em Engenharia Química, Química Industrial, Química Tecnológica, Química Aplicada, Ciências da Engenharia Química, Bioquímica e Biotecnologia ou outra licenciatura, desde que possua pelo menos 60 ECTS nas áreas de Engenharia Química, Química, Bioquímica e Biotecnologia.
- Ser titular do grau de licenciado com menos de 60 ECTS nas áreas de Química, Engenharia Química, Bioquímica e Biotecnologia, desde que possua currículo relevante na área da Química Industrial.
- Possuir uma licenciatura obtida no estrangeiro reconhecido pela Comissão Científica do Curso como preenchendo os objectivos de uma das licenciaturas anteriormente referidas.

Vagas 15 (2017)
Critérios de Seleção e Seriação Química Industrial 2017
Mais informações para candidatos

Sobre

Objetivos Gerais O 2º ciclo de estudos em Química Industrial tem como principal objectivo preparar profissionais vocacionados para as pequenas e médias indústrias, fornecendo-lhes conhecimentos que lhes permitam compreender e actuar nos processos de fabrico e, simultaneamente, na resolução dos problemas ambientais daí resultantes. Os Mestres em Química Industrial deverão ainda ser capazes de responder às necessidades de uma indústria em constante evolução e de implementar normas de qualidade, de higiene e de segurança.

Assim, o 2º ciclo de estudos em Química Industrial tem os seguintes objectivos:
- Consolidar os conhecimentos teóricos e práticos adquiridos no 1º ciclo e aplicá-los na compreensão e resolução de questões em contextos multidisciplinares relacionados com a indústria química e a biotecnologia.
- Integrar o conhecimento e relacioná-lo em situações mais complexas, aplicando-o em sectores diversificados, nomeadamente na investigação, controlo de qualidade e processos industriais.

Competências No fim do ciclo de estudos os alunos devem:
-Possuir conhecimentos e capacidade de compreensão que lhes permitam desenvolver e aprofundar os conhecimentos obtidos no 1º ciclo.
-Saber aplicar os conhecimentos e a capacidade de compreensão e de resolução de problemas em situações novas, em contextos alargados e multidisciplinares, relacionados com a sua área de estudo.
-Ter capacidade para integrar conhecimentos, lidar com questões complexas, desenvolver soluções ou emitir juízos em situações de informação limitada ou incompleta, incluindo reflexões sobre as implicações e responsabilidades éticas e sociais que resultem dessas soluções e desses juízos ou os condicionem.
-Ser capazes de comunicar as suas conclusões e os conhecimentos e raciocínios a elas subjacentes, quer a especialistas, quer a não especialistas, de uma forma clara e sem ambiguidades.
-Ter capacidade de interactuar com outros cientistas, de outras áreas de especialização, contribuindo para a resolução de problemas inter e multidisciplinares.
- Possuir capacidades que lhes permitam uma aprendizagem ao longo da vida, de um modo fundamentalmente auto-orientado ou autónomo.
- Possuir capacidade de adaptação a novas situações, nomeadamente de tomada de decisão, tendo sempre em vista o aspecto ético-profissional.
- Ter capacidade de demonstrar conhecimento e compreensão de conceitos princípios e teorias relacionados com as matérias abordadas durante o mestrado.
- Saber realizar procedimentos laboratoriais avançados e usar instrumentação adequada em trabalhos de análise, síntese e caracterização.
- Ser capazes de planear e executar trabalho experimental de modo independente e avaliar os procedimentos e resultados com espírito crítico, de modo a alterar procedimentos em experiências futuras, tendo em vista o seu sucesso.
- Saber pesquisar em bases de dados da especialidade, retirar a informação relevante para o trabalho a desenvolver, tendo sempre em atenção os aspectos éticos.
Saídas Profissionais - Inserção em equipas de investigação em segmentos relacionados com a gestão de processos, biotecnologia, ciências dos materiais, qualidade e segurança e ainda protecção ambiental, tendo em vista o prosseguimento dos estudos para um 3º ciclo.
- Integração em equipas que visem a promoção do desenvolvimento tecnológico e da inovação, a sustentabilidade das empresas, bem como a gestão e controlo de processos produtivos.
- Actividades em laboratórios de investigação ou de análises de rotina, nomeadamente em produtos alimentares, águas de consumo ou efluentes industriais.
- Integração em empresas de transformação relacionadas com as indústrias agro-alimentar, têxtil, de curtumes, cerâmica, processamento de cortiça, etc.
- Actividades em empresas relacionadas com o controlo de qualidade e o tratamento de efluentes.
Infraestruturas O Departamento de Química encontra-se equipado para apoio lectivo e de investigação em vários ramos da Química, nomeadamente:
- Química do Ambiente
- Química dos Produtos Naturais
- Síntese Orgânica
- Química dos Glúcidos
- Electroquímica Aplicada
- Bioquímica
- Biotecnologia
- Química das Soluções
- Tecnologia Química

Além dos laboratórios de investigação, existem infraestruturas específicas, nomeadamente, Laboratórios de Microscopia, Análise de Imagem e Raios X.
Existem, ainda, outras infraestruturas de âmbito geral da Universidade, como:
- Biblioteca Central, onde também são disponibilizadas bases de dados de revistas e conferências científicas para consulta e "download"
- Centro de Informática (aberto 24 horas)
- Serviço de redes (interna e externa)
- Serviço de acesso permanente à Internet (com correio electrónico, telnet e www).
Normas e Regulamentos Regulamentação UBI
Regulamento do Grau de Mestre em Química Industrial

Departamento de Química

Rua Marquês D'Ávila e Bolama
6201-001 Covilhã
275 242 021
1452
275 319 730

Responsáveis

Sem Fotografia
Diretor/a de Curso
Ana Maria Carreira Lopes
Coordenador de Mobilidade
Maria Isabel Guerreiro da Costa Ismael

Comissões

Comissão Científica
Ana Maria Carreira Lopes
Maria Isabel Almeida Ferra
Paulo Jorge da Silva Almeida
Maria José Alvelos Pacheco
Rogério Manuel dos Santos Simões
Cândida Ascensão Teixeira Tomaz

Comissão de Coordenação Pedagógica
Ana Maria Carreira Lopes
Coordenadores Ano
Rogério Manuel Santos Simões (1º)
Paulo Jorge da Silva Almeida (2º)
Delegados Ano
João José Popo Lobo Antunes Pereira (2º)

Comissão de Creditação
Ana Maria Carreira Lopes
Paulo Jorge da Silva Almeida
Maria José Alvelos Pacheco
Maria Isabel Guerreiro da Costa Ismael
Nota: A informação contida nesta página não dispensa a consulta dos documentos oficiais. Data da última atualização: 2014-08-07
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.