Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. Colóquio Internacional Miguel Real destaca um dos grandes vultos da cultura portuguesa

Colóquio Internacional Miguel Real destaca um dos grandes vultos da cultura portuguesa

  2 de novembro de 2018  

Img:

A UBI recebe nos dias 7 e 8 de novembro um evento científico multidisciplinar que homenageia um dos grandes vultos do atual panorama cultural português.

A Universidade da Beira Interior (UBI) promove, na próxima semana, o Colóquio Internacional Miguel Real – Literatura, Filosofia, Cultura, que procura analisar a obra em diversas vertentes e homenagear um dos maiores vultos da cultura portuguesa, de renome nacional e internacional. Além do homenageado, o evento conta com a presença de um vasto conjunto de conferencistas de elevada craveira científica, de onde se demarcam, a título de exemplo, Guilherme d’Oliveira Martins, presidente do Grande Conselho do Centro Nacional de Cultura e Administrador Executivo da Fundação Calouste Gulbenkian, e Onésimo Teotónio d’Almeida, docente da Brown University (Estados Unidos), onde dirige o Departamento de Estudos Portugueses e Brasileiro.
 
O colóquio internacional coloca em destaque o trabalho de um dotado ensaísta, ficcionista – com incursões no romance histórico – e dramaturgo, tendo como mote os 40 anos da publicação de "O Outro e o Mesmo", a sua primeira obra ficcional que resultou na atribuição do Prémio Revelação e Ficção da APE/IPLB que se celebram em 2019. Este será o ponto de partida de um evento interdisciplinar – tal como é a obra de Miguel Real – que, além das conferências proferidas por investigadores e intelectuais portugueses e estrangeiros, inclui um momento cultural, aberto a toda a comunidade covilhanense, que consiste na representação da peça “O Ano da Morte de Ricardo Reis”, adaptação dramatúrgica do romance de José Saramago, realizada por Miguel Real e Filomena Oliveira.

O Colóquio Internacional permite à UBI destacar uma figura que tem trabalhado com mestria a língua portuguesa e, num plano mais abrangente, a Lusofonia, realidade que é bastante acarinhada no seio da academia ubiana. É ainda a justa homenagem a um intelectual que tem trabalhado intimamente com a UBI, enriquecendo o seu papel científico. “Miguel Real tem vindo a desenvolver e a aprofundar com a Universidade da Beira Interior ao longo de vários anos uma ligação que passa não só pela participação em colóquios (nacionais e internacionais), redação de prefácios, de recensões críticas e apresentação de obras publicadas por docentes da UBI, mas também pela realização de entrevistas e pela organização/elaboração de obras em estreita colaboração com professores da UBI e até com escritores da região que mantêm um nítido vínculo a esta Instituição de Ensino Superior”, lembram Carla Luís e Alexandre Luís, docentes da FAL da UBI que fazem parte da Comissão Organizadora, acrescentando que, além de um relevante homem das letras, “Miguel Real é um ser humano absolutamente magnífico”.

À organização da Faculdade de Artes e Letras (departamentos de Letras e de Comunicação e Artes) e LabCom.IFP, associam-se ao colóquio, entre muitas outras instituições, o Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias, Academia Lusófona Luís de Camões, Instituto Europeu de Ciências da Cultura - Padre Manuel Antunes, Instituto Fernando Pessoa e Observatório da Língua Portuguesa, e as autarquias da Covilhã, Belmonte, Fundão e Guarda. “Este é também um aspeto importante desta organização: criou uma união entre concelhos da Beira Interior, em torno de um tema tão relevante como é a cultura”, salienta a também investigadora Carla Luís.

O Colóquio Internacional - Miguel Real – Literatura, Filosofia, Cultura arranca na quarta-feira, dia 7 de novembro, às 9h00, no Anfiteatro da Parada (Polo I). A Sessão de Encerramento está marcada para as 18h45, de dia 8. Na noite de dia 7, o Grande Auditório da Faculdade de Ciências da Saúde (FCS) recebe às 21h00 a apresentação de O Ano da Morte de Ricardo Reis, pela Éter - Produção Cultural, com o apoio da Câmara Municipal da Covilhã. Está, igualmente, agendada uma exposição dedicada a Miguel Real, tendo em conta a sua ligação a Eduardo Lourenço, afeta a este evento e que terá lugar na Biblioteca Municipal Eduardo Lourenço, Guarda, em maio de 2019.

Mais informação
Colóquio Internacional Miguel Real – Literatura, Filosofia, Cultura
Programa completo

Partilhar

Data da última atualização: 2018-11-02
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.