Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Ciências do Desporto
  4. Exercício na Saúde e na Doença

Exercício na Saúde e na Doença

Código 12452
Ano 1
Semestre S2
Créditos ECTS 6
Carga Horária T(15H)/TP(30H)
Área Científica Ciências do Desporto
Tipo de ensino Obrigatório
Objectivos de Aprendizagem Desenvolver e aprofundar conhecimentos sobre os efeitos clínicos do exercício e da atividade física como meio de prevenção e de recuperação em indivíduos com patologia/disfunção; Assim, ao concluir a UC o estudante deve ter adquirido os seguintes resultados de aprendizagem: Compreender, de forma tão aprofundada quanto possível e crítica, as causas, características e limitações de doenças crónicas no que à prática de actividade física e de exercício respeita; Demonstrar capacidade de identificar os benefícios do exercício e da atividade física em indivíduos com as patologias/disfunções estudadas; Demonstrar capacidade de analisar e discutir com espírito crítico, os principais programas existentes para a prevenção e recuperação de doenças crónicas e lesões osteo-musculares; Demonstrar capacidade de organizar, orientar e controlar sessões de treino individualizado ou em grupo de forma eficaz, motivacional e em segurança, em contextos de prevenção ou recuperação de doença ou lesão osteo-muscular; Ser capaz de comunicar de forma clara as conclusões dos seus trabalhos e os conhecimentos e os raciocínios a eles subjacentes, quer a especialistas, quer a não especialistas; Desenvolver as competências que lhes permitam uma aprendizagem ao longo da vida, de um modo fundamentalmente auto-orientado e autónomo
Conteúdos programáticos 1 Exercício na saúde e na doença
1.1 Exercício e doenças crónicas:
1.1.1 Obesidade e Diabetes
1.1.2 Doenças cardiovasculares (Reabilitação cardíaca)
1.1.3 Osteoporose
1.1.4 Doenças degenerativas articulares (reumatismais)
1.1.5 Doenças respiratórias
1.2 Epidemiologia e fatores de risco
1.3 Efeitos benéficos do exercício
1.4 Fatores de risco no exercício
1.5 Tipos de exercícios mais adequados
1.6 Análise de programas existentes
2 Prevenção e Recuperação de lesões:
2.1. Fatores de risco
2.2 Tipos de lesão mais comuns decorrentes da prática de atividade física (hematomas, contractura muscular, rotura muscular, fratura óssea, luxação articular)
2.3 Prevenção primária, secundária e terciária das lesões
2.4 Métodos e técnicas de recuperação
3 Exercícios de prevenção e recuperação de lesões (mobilidade, propriocetivos, alongamento, pliometria)
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação A avaliação resulta de dois momentos que contam com igual coeficiente de importância: 1) a apresentação da proposta de programa de actividade física / Exercício para um caso clínico com uma patologia escolhida pelo aluno; 2) e a realização de uma frequência de avaliação que se debruçará na compreensão sobre as causas das doenças crónicas e lesões osteo-musculares e dos benefícios do exercício e da atividade física para a prevenção e recuperação.
Bibliografia principal Professional Associations for Physical Activity in Sweden (2010). Physical Activity in the Prevention and Treatment of Disease. Swedish National Institute of Public Health. ISSN: 1651-8624. ISBN: 978-91-7257-715-2. Pedersen B.K., Saltin B. (2015) Exercise as medicine – evidence for prescribing exercise as therapy in 26 different chronic diseases. Scand J Med Sci Sports (Suppl. 3) 25: 1–72 Pesctello L.S, arena R, Riebe D, Thompson P.D. (2014) ACSM’S Guidelines for Exercise Testing and Prescription, 9th Edition. Lippincott Williams & WIlkins, Baltimore. Bouchard, C., Blair, S.N. & Haskell, W. (2007). Physical Activity and Health. Human Kinetics, Champaign, IL. Howley T., Franks, B. & Wetcott, W. (2003). Health/fitness instructor’s handbook. Human-Kinectics, Champaign, IL. Horta L. (2011). Prevenção de Lesões no Desporto, Texto Editores (1ª Edição). Lisboa. Schneider, S., Seither, B., Tönges, S., Schmitt, H. (2006). Sports injuries: population based representative data on incidence, diagnosis, sequelae, and high risk groups. Br J Sports Med 2006;40:334-339. Little, R. M. D., Paterson, D. H.,Humphreys, D. A, Stathokostas, L. (2013). A 12-month incidence of exercise-related injuries in previously sedentary community-dwelling older adults following an exercise intervention. BMJ Open 2013;3:e002831.
Língua Português
Data da última atualização: 2016-06-03
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.