Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Ciências do Desporto
  4. Anatomofisiologia I

Anatomofisiologia I

Código 13723
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 5
Carga Horária T(15H)/TP(30H)
Área Científica Ciências da Saúde
Tipo de ensino Obrigatório
Objectivos de Aprendizagem O principal objetivo desta UC é desenvolver a compreensão funcional da morfologia e funcionamento dos órgãos dos sistemas nervoso e músculo-esquelético como base explicativa do movimento e comportamento humano • Demonstra a compreensão do objeto de estudo da anatomia e fisiologia do exercício e seu enquadramento enquanto disciplina científica nas ciências do desporto. • Demonstra conhecimentos e capacidade de compreensão dos mecanismos anátomo-fisiológicos relacionados com o movimento do corpo humano, considerando os sistemas nervoso e músculo-esquelético. • Identifica os aspetos anatómicos do sistema nervoso central e periférico, e compreende as propriedades fisiológicas de cada um deles . • Identifica os aspetos anatómicos do sistema músculo-esquelético, e compreende a fisiologia do seu funcionamento. • Identifica os aspetos músculo esqueléticos visíveis à superfície do corpo.
Conteúdos programáticos 1. Introdução à anatomia e fisiologia humana 1.1 Organização anatomofisiológica do corpo humano, sistemas e homeostasia 1.2 Norma Anatómica; regiões, planos e outras designações 2. Anatomia e Fisiologia do Sistema Nervoso 2.1 Propriedades fisiológicas das células neuronais 2.2 Sistema Nervoso Central: Anatomia versus funções; Controlo da posição; movimento voluntário; Sistema cognitivo; Memória; linguagem 2.3 Anatomia, Fisiologia e funções Sistema Nervoso Periférico; Reflexo somático; Sistema nervoso Autónomo; Sentidos 3. Introdução ao sistema músculo esquelético 3.1 Anatomia do sistema esquelético: ossos e articulações 3.2 Tipos de movimento 3.3 Anatomia Geral e movimento do Tronco 3.4 Anatomia e controlo da atividade motora do membro inferior 3.5 Anatomia e controlo da atividade motora do membro superior 3.6 Fisiologia da contração muscular 3.7 Homeostasia do músculo
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação A avaliação de cariz teórico recorre a testes escritos com perguntas de escolha múltipla, a avaliação prática da compreensão funcional do conhecimento anatomofisiológico do movimento é feita através de trabalhos de grupo e de uma avaliação prática integrada. Consta de duas frequências de avaliação de conhecimento e compreensão (F1 e F2), dois minitestes (MT1 e MT2) - perguntas de escolha múltipla respondidas online - um trabalho de grupo (T) e uma avaliação prática (P). A classificação final do período de ensino aprendizagem resulta da seguinte fórmula: F1X0.3+F2x0.3+MT1x0,025+MT2x0,025+Tx0.1+Px0,25 Critérios de frequência: •Assiduidade superior a 75% (no conjunto das tutorias téoricas e teórico-práticas) e nas sessões consideradas indispensáveis indicadas oportunamente. •Classificação final do período de aprendizagem de pelo menos 6,0 valores e •Classificação média de F1 e F2 de pelo menos 6,0 valores e Classificação Prática de pelo menos 6,0 valores e •Participação no trabalho •Conduta académica correta designadamente demonstrada através da ausência de suspeita fundamentada de plágio/cópia nas Frequências/Fichas/Trabalhos/ Exames Critérios de aprovação: Aprova o aluno que tiver critérios de frequência e classificação do período de ensino aprendizagem, ou após exame final de, no mínimo, 10 valores (apos arredondamento à unidade). O exame final (EF) não substitui o trabalho nem a avaliação pratica sendo a nota final resultante da fórmula EFx0.65+Tx0.1+Px0,25 Dispensa de exame final o aluno que tiver critérios de frequência e classificação do período de ensino aprendizagem de, no mínimo, 10 valores. Os resultados parcelares são registados com arredondamento a uma casa decimal o arredondamento a unidade apenas é feito após apuramento do resultado final. Melhoria de nota – Os alunos podem realizar o exame final para melhoria de nota substituindo as classificações das frequências F1 e F2 e Minitestes, sendo a classificação final resultante da fórmula EFx0.65+T1x0.1+Px0,3
Bibliografia principal Shier,D.,Butler,J. & Lewis,R. (2001). Hole’s Human Anatomy & Physiology. 7 Edition, McGraw-Hill Seeley, R., Stephens,T. & Tate,P. (2011). Anatomia e Fisiologia. 8ª ed. Lusididacta
Língua Português
Data da última atualização: 2018-07-18
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.