Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Psicologia
  4. História e Epistemologia da Psicologia

História e Epistemologia da Psicologia

Código 14838
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária T(30H)/TP(30H)
Área Científica Psicologia
Tipo de ensino Presencial.
Estágios Não se aplica.
Objectivos de Aprendizagem Na presente Unidade Curricular pretende-se que o estudante adquira uma perspetiva integrada das origens e evolução histórica e epistemológica da Psicologia. Assim, o estudante deverá ser capaz de: - identificar os princípios e conceitos epistemológicos básicos; - Identificar e descrever as origens filosóficas e históricas da psicologia como ciência; - Caraterizar e comparar os principais marcos históricos e epistemológicos e as principais escolas de pensamento; - Desenvolver e demonstrar pensamento crítico sobre a construção científica da psicológica; - Descrever o desenvolvimento das principais áreas ou domínios de investigação e intervenção da psicologia; - Pesquisar e gerir informação científica; - Demonstrar competências de trabalho em equipa.
Conteúdos programáticos 1. Introdução à construção do conhecimento científico: principais conceitos, caraterísticas e etapas. 2. As origens da psicologia 2.1. Breve contextualização das influências históricas e socioeconómicas na disciplina 2.2.A influência da filosofia e da fisiologia 2.3.Os pressupostos epistemológicos e o objeto e o método em Psicologia 2.4.O estatuto epistemológico da Psicologia (a questão da Unidade) 3. As principais correntes de pensamento da Psicologia 3.1. O contributo de G.Fechner e W. Wundt 3.2.O Estruturalismo e o Funcionalismo 3.3.As origens e evolução do Behaviorismo 3.4 .A Psicanálise 3.5. A Psicologia da Gestalt 3.6. A Psicologia Cognitiva e a evolução da psicologia contemporânea 4. As tendências atuais e os desafios da Psicologia 4.1.Nos principais contextos de aplicação 4.2. Nos principais domínios de investigação.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação As atividades de aprendizagem e metodologias utilizadas incluem: a) sessões teóricas, com exposição e discussão de conteúdos; b) sessões teórico-práticas, com a discussão e análise de documentos, a realização de pesquisas nas base de dados, a realização de atividades de grupo/individuais e a apresentação de conteúdos trabalhados pelo estudante; c) o estudo independente. A avaliação contempla a realização de testes de avaliação de conhecimentos, a realização de exercícios teórico-práticos de aplicação de conhecimentos/competências realizados ao longo das aulas e a apresentação/discussão oral e escrita de conhecimentos.
Bibliografia principal - Danzinger, K. (2013). Psychology and its history. Theory and Psychology, 23(6), 829-839.
- Goodwin, C. J. (2010). História da psicologia moderna (4ª ed.). São Paulo: Cultrix.
- Hothersal, D. (2006). História da psicologia (4ª ed). São Paulo: MacGraw-Hill.
- Jesuíno, J.C. (2002).Psicologia (3ª ed.) Lisboa: Quimera.
- Kuhn, T. S. (2009). A tensão essencial. Biblioteca De Filosofia Contemporânea. Lisboa: Edições 70
- Lagache, D. (2001). A unidade da psicologia (trad. port.). Lisboa: Edições 70
- Machado, T. S. (2019). Psicologia geral. Lisboa: Universidade Aberta (eUAb. Universitária; 21). ISBN 978-972-674-852-6.
- Schultz, D. P., & Schultz, S. E (2018). História da psicologia moderna (10ªed.). S.P.: Cengage Learning.
-Sternberg, R. J. (Ed.) (2005). Unity in psychology: possibility or pipedream. Washington,DC: APA
- http://www.apa.org/about/division/div26.aspx
Obs: Poderá ser indicada bibliografia adicional, mais específica, de acordo com os objetivos a trabalhar.
.

Língua Português
Data da última atualização: 2021-10-15
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.