Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Sociologia: Exclusões e Políticas Sociais

Sociologia: Exclusões e Políticas Sociais

2º Ciclo     Departamento de Sociologia

Plano de Estudos/Ramos   Sociologia: Exclusões e Políticas Sociais
Código DGES
6963
Área CNAEF 312 | Portaria n.º 256/2005
Publicação em Diário da República Despacho n.º 16484/2013 - DR 2.ª série, n.º 246, 19 dezembro
Avaliação/Acreditação/Registo Acreditação A3ES
Registo DGES R/A-Ef 1353/2011, 18-03-2011
Regime de Funcionamento Diurno
ECTS 120
Outras Informações Candidaturas 2017/2018

Regime Geral de Acesso  

Requisitos de Admissão

• Titulares do grau de licenciado ou equivalente legal;
• Titulares de um grau académico superior adquirido no estrangeiro conferido na sequência de um primeiro ciclo de estudo organizado segundo o processo de Bolonha;
• Titulares de um grau académico superior adquirido no estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado;
• Detentores de um curriculum escolar, científico ou profissional relevante na área.

Vagas 20 (2017)
Critérios de Seleção e Seriação Sociologia: Exclusões e Políticas Sociais 2017
Mais informações para candidatos

Sobre

Objetivos Gerais 1. Desenvolver competências analíticas aprofundadas em torno da exclusão social, das mutações ao nível da organização social e da actual reorientação das políticas sociais;
2. Proporcionar um alargamento do debate teórico em torno da problemática das "exclusões";
3. Aprofundar o debate teórico e empírico sobre os processos de conversão das políticas públicas passivas em políticas activas;
4. Desenvolver competências analíticas e práticas no domínio dos processos de planificação e intervenção por projectos;
5. Fomentar uma capacitação para a aplicação de conhecimentos a novos problemas e contextos, numa perspectiva académica, profissional e multidisciplinar;
6. Aprofundar competências de condução autónoma de investigação no domínio de especialização, orientada por objectivos teóricos ou propósitos de resolução de problemas práticos;
7. Incentivar oportunidades à continuação do aprofundamento das problemáticas em causa, em contexto académico ou de exercício profissional.
Competências Competências intelectuais:
1. Compreender, analisar e utilizar criticamente os principais conteúdos teóricos e conceptuais
associados à análise sociológica das políticas e exclusões sociais;
2. Dominar conteúdos fundamentais agregados às sub-áreas que compõem a estrutura curricular;
3. Identificar instrumentos metodológicos e técnicos necessários à aplicação do saber
teórico em contexto prático, quer se trate de investigação aplicada ou da implementação de
projetos de intervenção;
4. Elaborar análises com consistência teórica, metodológica e empírica nos domínios científico do ciclo de estudos;
5. Desenvolver uma capacidade de avaliação crítica em torno dos efeitos de opções programáticas
sobre a realidade concreta, objeto de intervenção.

Competências práticas:
6. Demonstrar capacidades analíticas e práticas no domínio dos processos de planificação e intervenção por projectos;
7. Demonstrar competência na aplicação de conhecimentos e suportes teóricos a novos problemas e contextos, numa perspectiva académica, profissional e multidisciplinar;
8. Demonstrar competência na condução autónoma de investigação no domínio de especialização, orientada por objectivos teóricos ou propósitos de resolução de problemas práticos;

Competências transversais:
9. Demonstrar capacidade de problematização sobre a realidade social em análise e defender com consistência lógica, teórica e empírica proposições e argumentos próprios;
10. Revelar proficiência na redacção escrita e oral, apresentação e uso de tecnologias de suporte;
11. Demonstrar capacidades de concepção, organização e execução de trabalhos teóricos e empíricos e de gestão e desenvolvimento autónomo de actividades de aprendizagem;
12. Revelar autonomia na problematização de questões a investigar, na selecção, e tratamento de fontes de informação, teorias, metodologias e técnicas a utilizar;
13. Demonstrar proficiência na organização, redacção, apresentação, uso de software informático e defesa da dissertação.
Saídas Profissionais - Técnicos e responsáveis de organismos públicos (Segurança Social, da Administração Local e Regional) e das organizações privadas sem fins lucrativos (IPSS, Instituições de Utilidade Pública, Organizações e Iniciativas de Desenvolvimento Local)
- Intervenção social e definição/condução de políticas sociais a um nível local, regional ou nacional
- Investigação em centros de estudos e outras entidades dedicados à análise da pobreza e exclusão social e/ou definição de estratégias políticas na área da intervenção social
-Técnicos superiores do Rendimento Social de Inserção
- Técnicos superiores ao nível autárquico/regional, capazes de definir/conduzir estratégias de combate à pobreza e exclusão social.
Infraestruturas - Bibliotecas
Biblioteca Central,Biblioteca da Unidade de Ciências Sociais e Humanas e o Centro de Documentação Europeia.

- Biblioteca online
•bases de dados;
•revistas electrónicas,nomeadamente da Oxford University Press, Elsevier, Taylor & Francis, ISI Proceedings;
•revistas electrónicas que não são assinadas pelos SD;
•links com interesse para as várias áreas de investigação;
•serviços de difusão de informação disponível.

- Centros informáticos
Um laboratório de informática, salas de aula e outros espaços, equipados com terminais e PC’s com ligação em rede interna e à rede web e com software. A universidade dispõe de rede wireless.
4. e-Conteúdos
Plataforma digital, e-Conteúdos, que constitui uma ferramenta que permite a interacção à distância de docentes-alunos e alunos-alunos e onde são disponibilizados todos os materiais didácticos de apoio ao funcionamento das disciplinas, fóruns de discussão e outras actividades.

Normas e Regulamentos Regulamentação UBI
Regulamento do 2º Ciclo - Mestrado em Sociologia: Exclusões e Políticas Sociais

Departamento de Sociologia

Estrada do Sineiro, 6200-209 Covilhã
275329165
4120

Responsáveis

Diretor/a de Curso
Maria João Leitão Simões Areias Pereira
Coordenador de Mobilidade
Nuno Miguel Cavaca Augusto

Comissões

Comissão Científica
Maria João Leitão Simões Areias Pereira
Amélia Maria Cavaca Augusto
Maria Johanna Christina Schouten
Filomena Matias dos Santos

Comissão de Coordenação Pedagógica
Maria João Leitão Simões Areias Pereira
Coordenadores Ano
Amélia Maria Cavaca Augusto (1º)
Filomena Matias dos Santos (2º)
Delegados Ano
Rodrigo Pires Santos (1º)
João Daniel Nunes Porfírio (2º)

Comissão de Creditação
Maria João Leitão Simões Areias Pereira
Nuno Miguel Cavaca Augusto
Amélia Maria Cavaca Augusto
Filomena Matias dos Santos
Nota: A informação contida nesta página não dispensa a consulta dos documentos oficiais. Data da última atualização: 2014-08-07
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.