Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Engenharia Civil
  4. Reabilitação Estrutural

Reabilitação Estrutural

Código 10317
Ano 5
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária T(30H)/TP(30H)
Área Científica Mecânica e Estruturas
Tipo de ensino Presencial
Estágios Não aplicável
Objectivos de Aprendizagem A unidade curricular tem como objetivo conferir conhecimentos no âmbito do reforço e reabilitação de estruturas, criando as seguintes competências: a) Avaliação da capacidade resistente de estruturas existentes; b) Entendimento do processo de transferência de cargas entre elementos construídos em idades diferentes; c) Entendimento da mecânica das diferentes técnicas de reforço; d) Perceção do problema do reforço sísmico; e) Identificação e entendimento das especificidades de edifícios antigos e justificação de estratégias de reforço; f) Entendimento das técnicas de execução.
Conteúdos programáticos Técnicas de reforço estrutural: Reforço de elementos estruturais por encamisamento: Descrição da técnica; Modelos de equilíbrio; Comportamento da interface; Dimensionamento. Reforço por adição de armaduras exteriores: Descrição da técnica; Modelos de equilíbrio; Ligação entre reforço e elemento reforçado; Dimensionamento. 2) Reforço sísmico de edifícios: Análise e enquadramento do problema; Enquadramento regulamentar; Estratégias de reforço. 3) Reforço de edifícios antigos: Análise de especificidades com influência no comportamento estrutural; Estratégias e técnicas de reforço sísmico; Análise de modelos de equilíbrio; Metodologias de análise estrutural.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Os conteúdos programáticos são abordados com a análise e discussão de diversas publicações de natureza técnica e científica atuais que demonstrem a viabilidade das técnicas de reforço estrutural, as limitações, aspetos do comportamento mecânico e construtivos. A segunda componente, de natureza teórico-prática, corresponde à analise prática de problemas concretos de reforço estrutural com enquadramento num processo de projeto. Adicionalmente, são apresentadas e analisadas soluções exemplificativas de reforço estrutural. A metodologia de avaliação consiste na realização de testes escritos (70%) e em provas orais (30%). Nos testes escritos avaliam-se de forma global os conhecimentos adquiridos nas componentes teórica e teórico-prática. As provas orais baseiam-se no trabalho desenvolvido na componente teórico-prática pretendendo-se também avaliar o trabalho realizado de forma autónoma e a capacidade para resolução de problemas variantes dos anteriormente analisados.
Bibliografia principal Appleton, J. (2011). Reabilitação de Edifícios Antigos. Edições Orion. Fardis M. (2009). Seismic Design, Assessment and Retrofitting of Concrete Buildings. Springer.Vandoros, K., Dristos S. (2008). Concrete jacket construction detail effectiveness when strengthening RC columns. Construction and Building Materials, 22, 264-276. Jansze W. Strengthening of Reinforced Concrete Members in Bending by Externally Bonded Steel Plates – Design for Beam Shear and Plate Anchorage. Stevin Laboratory, 1997. Giménez E., Adam J. & Caldéron P. (2008) Full-Scale Testing od Axially Loaded RC Columns Strengthened by Steel Angles and Strips. Advances in Structural Engineering,12(2), 169-181. Magenes, G. Penna, A. Senaldi, I. Rota, M. & Galasco A. (2014) Shaking Table Test of a Strengthened Full-Scale Stone Masonry Building with Flexible Diaphragms. International Journal of Architectural Heritage – Conservation Analysis and Restoration, 8, 349-375.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-10-11
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.