Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Psicologia Clínica e da Saúde
  4. Psicogerontologia

Psicogerontologia

Código 11776
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 5
Carga Horária T(30H)/TP(30H)
Área Científica Psicologia
Tipo de ensino Presencial.
Estágios NA
Objectivos de Aprendizagem Pretende-se que o estudante aprenda os fundamentos e que aplique técnicas de intervenção e avaliação psicológica a idosos numa perspetiva psicogerontológica. O estudante deverá:
. Discutir e aplicar constructos e modelos teóricos ao estudo e intervenção na velhice.
. Caracterizar o desenvolvimento psicológico na velhice.
. Efetuar processos de avaliação geriátrica integral e avaliação psicológica a pessoas idosas.
. Aplicar, de forma fundamentada, métodos, técnicas e programas de intervenção psicológica na velhice.
. Demonstrar competências de relacionamento interpessoal com idosos.
. Consultar e analisar criticamente informação científica sobre questões inerentes à prática e
investigação psicológica na velhice.
. Demonstrar competências para o trabalho em equipas multidisciplinares de intervenção na velhice.
Conteúdos programáticos 1. Psicogerontologia e psicologia do envelhecimento: constructos e perspetivas teóricas.
2. Investigação em psicogerontologia: desenhos de investigação, métodos e técnicas.
3. Avaliação psicológica na velhice e avaliação geriátrica integral.
4. Intervenção psicológica e promoção do bem-estar na velhice.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação As atividades de ensino aprendizagem incluídas nesta UC incluem as seguintes atividades:
- Levantamento e sistematização de conhecimentos.
- Discussão e análise de casos.
- Discussão e análise de documentos.
- Exercícios de role playing.
- Elaboração de pesquisas em bases de dados orientadas para determinados conteúdos.
- Realização de trabalhos individuais e em grupo.
- Exposições/ sistematizações teóricas.

Os parâmetros considerados na avaliação desta UC são:
- Participação/ atitudes nas aulas.
- Exercícios teórico-práticos realizados ao longo das aulas.
- Apresentação de trabalho sobre programa de intervenção;
- Elaboração de processo de avaliação geriátrica integral/avaliação psicológica.
- Testes de avaliação de conhecimentos.

Bibliografia principal - Afonso, R. M. (2011). Reminiscência como estratégia de intervenção psicológica em pessoas idosas. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian/Fundação para a Ciência e Tecnologia.
- Fernandez, Ballesteros, R. (2009). Psicogerontologia: perspetivas europeas para un mundo que envejece. Madrid: Piramide.
-Budson, A. E. & Solomon, P. R. (2015). Memory Loss, Alzheimer's Disease, and Dementia: A Practi
- Paúl, C. & Ribeiro, O. (2012). Manual de gerontologia. Lisboa: Lidel.
- Resnick, B., Gwyther, L. P. & Roberto, K. (Eds.) (2010). Resilience in Aging: Concepts, Research, and Outcomes. New York: Springer.
- Schaie, K. W. & Willis, S. L. (2010). Handbook of the Psychology of Aging (7th Ed.). San Diego: Elsevier Academic Press.
- Sorocco, K. H. & Lauderdale, S. (2011). Cognitive Behavior Therapy with Older Adults: Innovations Across Care Settings. New York. Springer Publishing Company.
- Woods, R. (Ed.) (2008). Psychological Problems of Ageing: Assessment, Treatment and Care. New York: Wiley.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-06-18
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.