Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Biotecnologia
  4. Biotecnologia Industrial

Biotecnologia Industrial

Código 11871
Ano 3
Semestre S2
Créditos ECTS 6
Carga Horária PL(30H)/T(30H)
Área Científica Biotecnologia
Tipo de ensino Presencial
Estágios Não aplicável.
Objectivos de Aprendizagem Os objectivos da UC são os de fornecer aos alunos um conjunto de conhecimentos interdisciplinares em áreas como a biorefinaria (produtos de elevado valor acrescentado); a biomassa, os biocombustíveis, a biotecnologia industrial nos sectores da indústria de pasta e papel e da indústria têxtil. Produção e caracterização de biomateriais para aplicações biomédicas.
No final da UC o aluno deve ser capaz de compreender a aplicação dos processos biológicos nas tecnologias industriais convencionais; compreender a utilização controlada de sistemas microbiológicos para transformar a biomassa; conhecer as presentes (em fase de aplicação) e futuras (em fase de investigação) aplicações de enzimas a processos e materiais têxteis e na indústria de papel; conhecer e comparar as principais aplicações de biomateriais constituídos à base de fibras e polímeros têxteis; desenvolver a capacidade de usar os conhecimentos como instrumento de interpretação e intervenção em situações concretas.
Conteúdos programáticos Biomassa, biorefinaria e biocombustíveis: composição química, aplicação e integração de processos químicos e biotecnológicos no desenvolvimento de biocombustíveis (hidrólise enzimática, fermentação em etanol).
Biotecnologia na indústria de pasta e papel: microorganismos e enzimas envolvidos na degradação das paredes vegetais; modificação das fibras; biocozimento; biobranqueamento; controlo de “pitch”, do “slime” nos processos. Prática: Aplicação de enzimas para melhorar a refinabilidade de uma pasta ao sulfato branqueada de eucalipto.
Biotecnologia na Indústria Têxtil: Sustentabilidade na Têxtil. Caracterização de fibras e polímeros têxteis.
Aplicação de enzimas na indústria têxtil: conceção de novos processos e biocatálise em fibras têxteis.
Biopolímeros e materiais sustentáveis: de fibras proteicas, derivados celulósicos e polímeros artificiais. Reciclagem e reutilização.
Biossíntese e electrospinning de nanofibras. Funcionalização bioativa, estratégias biomiméticas. Aplicações.
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação 1. Avaliação Contínua
Classificação ensino- aprendizagem(CEA): 80% Teórica (T) + 20% Prática (P)

A componente Teórica inclui 2 testes: T1 (50%) + T2 (50%). Notas superiores a 17 valores serão sujeitas a uma avaliação oral.
A componente Prática: análise/discussão de artigos científicos em temáticas relacionadas com os conteúdos . Trabalhos laboratoriais.
Condição de aprovação: cada componente terá de ter uma classificação igual ou superior a 9,50 valores.


EXAME: Poderão ir a exame os estudantes que não conseguindo obter a classificação de 9,50 valores por frequência, tenham pelo menos obtido 9,50 valores na componente prática.
Classificação Final de Exame = (nota exame) x 0,80 + (nota prática) x 0,20.
O exame será apenas da componente teórica, sendo os restantes 20% da avaliação prática relativos ao período de ensino-aprendizagem.
Bibliografia principal 1.Principal
J. Clark, F. Deswarte (eds), Introduction to Chemicals from Biomass, Wiley series in Renewable Resources, 2008. ¤Viikari, L., Lantto, R. (eds.), “Biotechnology in the Pulp and Paper Industry”, Progress in Biotechnology Series, vol. 21, Elsevier Sci, 2002. ¤Eriksson, K.-E.L. (ed.), “Biotechnology in the Pulp and Paper Industry”, Springer Verlag, 1997. ¤ Saddler, J.N. (ed.), “Bioconversion of Forest and Agricultural Plant Residues”, Biotechnology in Agriculture nº 9, CAB International, U.K., 1993. ¤Cavaco-Paulo, A., Guebitz, G.M. “Textile processing with enzymes. Woodhead Publishing”, 2003.¤ Williams, D.F., (ed.), “Biodegradable Polymers. Biocompatibility of Clinical Implant Materials”, FL. Vol. 2, CRC Press, Boca Raton, 1981. ¤Vermette, P., Griesser, H.J., Laroche, G., Guidoin, R.(eds.), Biomedical Applications of Polyurethanes, Landes Bioscience, Georgetown, 2001.
2. complementar:
Aulas on-line: http://moodle.ubi.pt/* Artigos científicos vários (indexados ao ISI SCI)

Língua Português
Data da última atualização: 2021-06-28
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.