Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Ciências Farmacêuticas
  4. Farmacognosia II

Farmacognosia II

Código 13646
Ano 2
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária PL(30H)/T(30H)
Área Científica Ciências Farmacêuticas
Tipo de ensino Presencial.
Estágios Não aplicável.
Objectivos de Aprendizagem Nesta unidade curricular pretende-se que o estudante identifique os constituintes químicos do metabolismo secundário das plantas medicinais e os relacione com as respectivas propriedades químicas e biológicas.
No final da unidade curricular o estudante deve estar apto a identificar e relacionar os constituintes químicos do metabolismo secundário das plantas medicinais com as respectivas propriedades químicas e biológicas. Conhecer os diferentes grupos de compostos do metabolismo secundário das plantas quanto à sua distribuição na natureza, métodos de extracção, controlo de qualidade, estrutura química e relação estrutura-actividade
Conteúdos programáticos Teórica:1.Compostos fenólicos: Ácidos fenólicos; Cumarinas;Lenhanos; Estilbenos;Flavonóides; Antocianósidos; Taninos; compostos quinónicos; orcinóis e floroglucinóis 2. Terpenóides e esteróides : óleos essenciais; Iridóides ; Diterpenos; Saponósidos; Cardiotónicos; Carotenóides 3. Alcalóides: Alcalóides derivados da ornitina e da lisina; Alcalóides derivados do ácido nicotínico; Alcalóides derivados da fenilalanina e da tirosina; Alcalóides derivados do triptofano; Alcalóides derivados da histidina; Alcalóides derivados do metabolismo terpénico; Metilxantinas. Prática: Pesquisa de antraquinónicos livres e combinados; Pesquisa de alcalóides com reagentes gerais de Dragendorf, Mayer e Bertrand; Doseamento alcalimétrico dos alcaloides; Extração em Soxhlet de diferentes plantas; Identificação genérica e perfil cromatográfico dos flavonóides nos extratos; Quantificação espectrofotométrica dos flavonoides e dos compostos fenólicos; Doseamento de óleo essencial no aparelho Clevenger
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Aulas teóricas: 2 horas /semana. Aulas magistrais apresentadas em diapositivos com distribuição prévia aos alunos. Aulas laboratoriais: 2 horas /semana. Os protocolos dos trabalhos a executar são distribuídos aos alunos no início do semestre. No início do semestre é definido pelo responsável da unidade curricular um horário de atendimento ao aluno (2 horas/semana).
Avaliação Periódica:
I. Avaliação escrita: 2 testes parciais (80% questões teóricas + 20% questões práticas) .
II. Assistência a um seminário Seminário com avaliação
III. Monografia sobre tema livre baseado em artigos científicos com apresentação.
 2. Critérios de frequência:
Os alunos devem realizar todos os trabalhos práticos;
Os alunos têm que participar em todas as frequências e obter classificação mínima média de 6 valores para poderem participar no exame final;
Nota final: Parte teórica (média dos testes parciais ou classificação do exame final)(nota mínima: 9,0)(75%) + Seminário (10%) + Monografia (15%)
Bibliografia principal Pharmacognosie, phytochimie, plantes médicinales, Bruneton, J., Editions Techniques et Documentation, 4eme edition, 2009.
Farmacognosia e fitoquímica , Proença da Cunha, A. (Ed.), Fundação Calouste Gulbenkian, 2005.
Trease and Evans Pharmacognosy, Evans, W.C., Edinburgh: Saunders , 2002.
Farmacopeia Portuguesa, 1º e 2º vol., 9ª Ed oficial, Ministério da Saúde, INFARMED, 2008.
Farmacognosia - Farmacognosia experimental, Costa, A. F., Fundação Calouste Gulbenkian, 3ª ed., 2001.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-01-27
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.