Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Medicina
  4. Prática Clínica

Prática Clínica

Código 14219
Ano 6
Semestre A1
Créditos ECTS 48
Carga Horária E(620H)/OT(100H)
Área Científica Ciências Médicas-Clinica
Tipo de ensino Presencial
Estágios Esta unidade curricular decorre em unidades de saúde: hospitais e centros de saúde
Objectivos de Aprendizagem Os alunos são envolvidos na abordagem das situações clínicas no contexto dos serviços de saúde, nos hospitais e nos centros de saúde, tendo como objetivos:desenvolver o pensamento crítico e habilidades de tomada de decisão; aplicar metodologias de investigação. avaliar as situações clínicas, pedir exames complementares, efetuar diagnóstico diferencial e negociar um plano de tratamento, prestar atendimento imediato em emergências médicas, incluindo primeiros socorros e ressuscitação, comunicar e interagir eficazmente com os doentes e os diferentes profissionais de saúde, demonstrar conhecimento dos conceitos fundamentais da prevenção da doença e promoção da saúde, aplicar os princípios éticos e legais na prática médica,considerar os aspetos psicológicos e sociais da doença, utilizar a informação e as tecnologias de informação de forma eficaz num contexto médico e aplicar princípios científicos,métodos adequados e conhecimentos integrados para a prática médica e investigação em saúde
Conteúdos programáticos Esta unidade (32 semanas letivas) inclui blocos de rotação clínica (Medicina (7 Semanas=7S), Cirurgia (7S), Medicina Intensiva (3S), Saúde da Criança (4S), Saúde da Mulher (3S), Saúde Mental (Adultos e InfantoJuvenil) (2S), Medicina Geral e Familiar/Cuidados de Saúde Primários IV (4S), e ainda seminários e estágios de Saúde Pública (ao longo do ano), cursos (um dos quis, sobre "Boas práticas terapêuticas" é obrigatório) e outras actividades incluídas no portfolio (eventos científicos ou atividades de voluntariado) à escolha.O exercício em meio clínico ocupa metade da carga horária semanal (20H), sendo deixado outro tanto tempo para auto-aprendizagem e outras atividades, como trabalho de tese de mestrado. A distribuição das tarefas é combinada diretamente entre o aluno e o seu tutor, com base num ratio tutor:aluno desejavelmente 1:1, sempre que possível. As atividades curriculares a incluir no portfolio devem ser programadas em articulação com os estágios, sem os prejudicar
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação A avaliação é feita de acordo com os objetivos de aprendizagem e as competências a desenvolver pelo estudante na unidade curricular, utilizando os instrumentos de avaliação adequados e segundo os critérios específicos enunciados no documento Critérios de Avaliação do MI em Medicina 2015-2016.
Bibliografia principal Harrison's Principles of Internal Medicine (2012) (Longo et al, Ed), 18th ed., McGraw-
Hill, New York
Língua Português
Data da última atualização: 2021-07-30
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.