Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Engenharia Civil
  4. Vias de Comunicação

Vias de Comunicação

Código 14658
Ano 3
Semestre S2
Créditos ECTS 6
Carga Horária T(30H)/TP(45H)
Área Científica Planeamento e Urbanismo
Objectivos de Aprendizagem Introduzir e desenvolver aspetos relacionados com o projeto de vias de comunicação, em especial de estradas, dotando os alunos dos conhecimentos teóricos e práticos necessários para a análise e escolha de traçados, conceção e elaboração de projetos geométricos de estradas, assim como para as condições de circulação de veículos rodoviários.
Competências:
(a) Compreensão dos condicionamentos a ter em conta e dos critérios necessários para a análise e escolha de traçados.
(b) Compreensão das condições de circulação de veículos rodoviários, em particular dos aspetos relacionados com os conceitos de capacidade e nível de serviço.
(c) Domínio dos conhecimentos teóricos e práticos necessários para a conceção e elaboração de projetos de estradas (traçado em planta, traçado em perfil longitudinal e traçado em perfil transversal).
(d) Reconhecimento de aspetos relacionados com o movimento de terras e drenagem rodoviária.
Conteúdos programáticos Capítulo 1. Generalidades sobre o Projeto de Estradas
Capítulo 2. Análise do Tráfego
Capítulo 3. Previsão do Tráfego
Capítulo 4. Condições de Circulação
Capítulo 5. Distâncias de Visibilidade
Capítulo 6. Traçado em Planta
Capítulo 7. Traçado em Perfil Longitudinal
Capítulo 8. Homogeneidade do Traçado e Coordenação Planta – Perfil
Capítulo 9. Perfil Transversal
Capítulo 10. Conceitos básicos de Movimento de Terras e Drenagem Rodoviária
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Esta unidade curricular tem a duração de um semestre lectivo, envolvendo 75 horas de contacto com a equipa docente, 83 horas de trabalho autónomo do estudante e 10 horas para avaliação (total: 168 horas). A aprovação a esta unidade curricular confere ao estudante 6 ECTS. As aulas estão organizadas em aulas teóricas – T (exposição dos conteúdos programáticos, envolvendo também a apresentação de problemas de pequena dimensão) e aulas teóricopráticas – TP (aplicação dos conteúdos programáticos na resolução de problemas práticos e na elaboração de um projeto de estrada). A avaliação é realizada em duas fases, avaliação contínua e exame, sendo que o aluno fica dispensado de exame se aprovar na avaliação contínua. A avaliação contínua inclui teste(s) (65%), trabalhos práticos (30%) e assiduidade e participação (5%). A avaliação em exame inclui um teste (70%) e os trabalhos práticos (30%).
Bibliografia principal 1. Apontamentos da docente para apoio à unidade curricular (disponibilizados na plataforma Moodle)
2. O’Flaherty, C. A., Highway: The Location, Design, Construction & Maintenance of Pavements, 4th edition, 2002 (ISBN: 978-0-7506-5090-8).
3. TRB, Highway Capacity Manual 6 (HCM6). Transportation Research Board, National Research Council, Washington D.C., 2016 (ISBN: 978-0-309-36997-8).
4. The Handbook of Highway Engineering, Edited by T. F. Fwa, Taylors and Francis, Boca Raton – London – New York, 2006.
5. Junta Autónoma de Estradas. Normas de Traçado (P3/94), Almada, 1994.
6. Instituto de Infraestruturas Rodoviárias, IP (InIR), “Norma de Traçado – Revisão”, Disposições Normativas, Lisboa, 2010.
7. CCDR-N. Manual de Planeamento das Acessibilidades e da Gestão Viária. Vol 1: Engenharia de Tráfego, Vol 2: Correntes de Tráfego. 2008.
8. Instituto de Estradas de Portugal, “Manual de Drenagem Superficial em Vias de Comunicação”, Almada; 2001.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-07-30
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.