Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Ciências da Comunicação
  4. Epistemologia

Epistemologia

Código 14673
Ano 2
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária OT(15H)/TP(45H)
Área Científica Filosofia
Tipo de ensino presencial
Estágios Não aplicável
Objectivos de Aprendizagem - Compreensão das etapas mais gerais da evolução histórico-filosófica da Epistemologia
- Demarcação da actividade científica, bem como seu alcance e limites, da para-ciência e outras manifestações de cultura.
No final da Unidade Curricular o estudante deve ser capaz de…
• Básicas – Identificar temas gerais e questões de epistemologia;
• Científicas – Compreender teoricamente os aspectos nucleares do debate epistemológico;
• Operacionais – Saber importar contexto epistemológico para tópicos de investigação concreta;
• Transversais – Relacionamento com os outros, liderar e comunicar, mobilizar recursos, saber aproveitar oportunidades com base em atitudes comportamentais activas, moralmente saudáveis e com ética, expondo-se à crítica dos seus pares, respeitando-os.
Conteúdos programáticos
1. O que é a epistemologia?
2. O que é o conhecimento?
2.1. Senso-comum e ciência
2.2. Tipos e formas de conhecimento
2.3. Opinião, conhecimento e saberes
3. O que é a justificação da verdade?
3.1. Teorias da justificação da verdade
3.2. É a justificação do conhecimento interna ao conhecimento?
4. O que é explicar e compreender?
4.1. Epistemologia da ciências naturais e epistemologia das ciências sociais e humanas
5. Apontamentos sobre a história da epistemologia:
5.1. A ciência antiga (Platão e Aristóteles)
5.2. A ciência moderna (Descartes e Galileu)
5.3. Crença em regularidades — do indutivismo ao falsificacionismo (Popper)
5.4. Ciência normal, paradigma e revolução científica (Kuhn e Lakatos)
6. Condições sociais do conhecimento
6.1. O problema da pós-verdade na sociedade da informação contemporânea
6.2. A questão da racionalidade
7. Construção social do conhecimento
7.1. Epistemologias, colonização e patriarcado
8. A querela dos valores (Weber)
9. Catálogo das falácia
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação 2 testes (35% cada)
1 pequeno ensaio (30%)
Bibliografia principal Robert Blanché, A Epistemologia, Lisboa, Presença, 1975, pp. 9-36
. Manuel Maria Carrilho, Epistemologia: Posições e Críticas, Lisboa, F.C.Gulbenkian, 1991, (Prefácio)
. Gaston Bachelard, A Epistemologia, Lisboa, Edições 70, 1990, pp165-190
. Karl R. Popper, O Mito do Contexto, Lisboa, Edições 70, 1999, pp.109-142
. Thomas S. Khun, A Estrutura das Revoluções Científicas, S.Paulo, Perspectiva, 2000, pp.125-144
. Imre Lakatos, Falsificação e Metodologia dos Programas de Investigação Científica, Lisboa, Edições 70, 1999, pp.54-85/128-137
. Paul K. Feyerabend, Contra o Método, Lisboa, Relógio D’Água, 1993, pp.29-39/ 194-208/ 291-312
- Steup, Matthias & Sosa, Ernest (Edts), Contemporaray debats in epistemology, London, Blackwell, 2005.
- Santos, Boaventura de & Meneses, Maria Paula (Edts.), Epistemologias do Sul, Cimbra, Almedina, 2009.
Língua Português
Data da última atualização: 2021-09-27
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.