Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. UBI melhora no ranking sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

UBI melhora no ranking sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

  29 de abril de 2022  

Img:

No The Times Higher Education Impact Rankings 2022 sobre de 56,8 para 71,4 pontos. Consegue ainda subidas em três Objetivos.

A Universidade da Beira Interior (UBI) melhorou a sua pontuação no The Times Higher Education Impact Rankings 2022, classificação que mostra uma evolução no seu desempenho global no que se refere ao cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas. Na edição deste ano do relatório, a UBI está colocada no patamar 401-600, entre 1.406 instituições de Ensino Superior de todo o mundo. Esta posição resulta dos 71,4 pontos alcançados (em 100 possíveis) no resultado geral do ranking, significativamente superior aos 56,8 de 2021.

Além da classificação geral, o Impact Rankings 2022 analisa cada um dos ODS separadamente tendo a UBI subido de patamar em três Objetivos: Good Health & Wellbeing (101-200); Sustainable Cities & Communities (201-300) e Partnership for Goals (201-300), centrados em ações relacionadas com saúde e bem-estar, cidades sustentáveis e parcerias.

As subidas resultam das medidas implementadas, por exemplo, para minimizar os efeitos da pandemia na comunidade académica; no campo da sustentabilidade com o desenvolvimento de vários projetos de investigação que se encontram em plena potencialização; e, ainda, a crescente preocupação de construir parcerias com a sociedade, numa constante aproximação à comunidade.

A UBI está ainda classificada em patamares importantes (referentes às posições “201-300”), nas áreas relacionadas com a ausência de pobreza e fome, consumo e produção responsáveis e ação climática (ODS’s que se designam como “No Poverty”, “Zero Hunger”, “Responsible Consumption & Production” e “Climate Action”.

No combate às desigualdades (“Reduce Inequalities), está no escalão (301-400), enquanto que o trabalho feito no campo da igualdade de género (Gender Equality), posiciona a UBI no (401-600), em trabalho e crescimento económico (“Decent Work & Economic Grouth”, no 301-400, indústria e inovação (“Industry, Innovation & Infraestructure”), no 401-600. Em ensino (“Quality Education”), no patamar 601-800, com perto de 1.200 instituições incluídas.

O The Times Higher Education elabora anualmente diversos rakings para analisar as mais diversas áreas de atuação das intuições de Ensino Superior de todo o mundo, nos quais a UBI continua a ter uma presença positiva, apesar de todos os anos, estes relatórios aumentarem o numero de entidades analisadas.

Partilhar

  •   UBI
Data da última atualização: 2022-04-29
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.