Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Auto-Avaliação

Auto-Avaliação

  1. História da Avaliação
  2. A UBI e a Avaliação
  3. O processo de Avaliação de Cursos
  4. Histórico da Avaliação dos Cursos
  5. A Acreditação

5. A Acreditação

A acreditação é um processo de avaliação externa da qualidade, usado no ensino superior para examinar Universidades, Colleges e Programas de Ensino Superior, tendo como objectivo garantir a qualidade e promover essa mesma qualidade, na sequência de uma avaliação cíclica baseada em normas aceites.

Existe uma relação de complementaridade entre os processos de avaliação e acreditação, já que a acreditação depende da avaliação. A articulação entre os dois sistemas, nas comissões de avaliação, parece uma via útil já legalmente prevista.

A necessidade de fomentar uma maior aproximação entre avaliação e acreditação parece ter sido sentida também pelo CNAVES, levando à criação de uma Comissão Permanente das Ordens e das Associações Profissionais.

O Estatuto da Ordem dos Engenheiros (OE), aprovado pelo Decreto-Lei 119/92 de 30 de Junho e publicado no Diário da República na mesma data, remete para um Regulamento próprio o regime de admissão e qualificação dos Membros da Ordem dos Engenheiros.

O Regulamento de Admissão e Qualificação da OE aprovado pela Assembleia de Representantes em reunião de 29 de Março de 1993 consagra, em anexo, as Normas para a Admissão, Acreditação de Cursos e Estágios. A Acreditação de Cursos é o processo adoptado no Regulamento para a dispensa de Provas de Admissão dos candidatos à OE, nos termos do Estatuto.

O presente Guia para Apresentação de Candidatura à Acreditação de um Curso indica os elementos a fornecer e o desenvolvimento processual da Acreditação.

A Acreditação a realizar curso a curso terá em vista verificar a conformidade da preparação conferida por cada um deles com o modelo técnico-profissional de engenheiro que a Ordem representa. A Acreditação pretende, pois, distinguir aquelas habilitações que, pela forma como são conferidas, garantem um perfil de formação de base correspondente ao modelo atrás referido.

Recorde-se que qualquer licenciado em engenharia ou equivalente legal se pode candidatar à OE, mediante prestação de provas, nos termos da lei, independentemente da acreditação do seu Curso.

As instituições submetem um ou vários cursos ao processo de acreditação. A UBI tem cursos acreditados pela OE conforme se pode ver no quadro seguinte:

Lista de cursos da UBI acreditados pela Ordem dos Engenheiros

Licenciatura* Especialidade da Ordem dos Engºs
Engenharia Aeronáutica Mecânica
Engenharia Civil Civil
Engenharia Electromecânica Electrotécnica
Engª Electrotécnica Electrotécnica
Engª Têxtil Química/Mecânica
Engenharia Mecânica Mecânica

* Todos os cursos estão acreditados até 2010.

Data da última atualização: 11-12-2014
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.