Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Empreendedorismo e Serviço Social
  4. Economia Social e Solidária

Economia Social e Solidária

Código 9564
Ano 1
Semestre S1
Créditos ECTS 6
Carga Horária OT(15H)/TP(30H)
Área Científica Economia
Tipo de ensino Teórico-prático e tutorial
Estágios Não se aplica
Objectivos de Aprendizagem Apresentar os conceitos chave associados à ESS e a sua importância ;Aprofundar a reflexão teórica sobre os processos associados à ESS de forma a contribuir para a investigação neste domínio;Aprofundar o conhecimento das práticas e caminhos da ESS.
No final da unidade curricular o aluno deve ser capaz de analisar e debater criticamente as principais teoria e conceitos associados ao domínio da ESS; reconhecer diferentes paradigmas associados à ESS; debater assuntos e problemas específicos da ESS, demonstrando consistência teórica, metodológica e empírica nos argumentos invocados; demonstrar competência na aplicação de conhecimentos e suportes teóricos no âmbito da ESS a novos problemas e contextos, demonstrar capacidades de concepção, organização e execução de trabalhos teóricos e empíricos e desenvolvimento autónomo de actividades de aprendizagem; revelar proficiência no discurso,na apresentação e uso de tecnologias de suporte
Conteúdos programáticos 1. Economia social e solidária: Conceitos e enquadramento
2. Economia solidária e coesão social
3. Economia social e empresas sociais
4. Sistemas de financiamento da economia social e solidária
5. O estado, as políticas públicas e a economia social e solidária
Metodologias de Ensino e Critérios de Avaliação Trabalho escrito acerca de uma temática específica no âmbito da ESS(35%); Apresentação oral do trabalho anterior (10%); Relatório crítico sobre um trabalho realizado por outros colegas (10%); Ficha de leitura de um artigo científico (15%); Teste escrito e/ou exame final (20%); Participação (5%).
Bibliografia principal Principal
Bridge, S.; Murtagh, B. e O’Neill, K. (2009): Understanding The Social Economy and the Third Sector, Palgrave Macmillan, Hampshire.
Powell, W. e Steinberg, R. (Eds.) (2006): The Non-profit Sector: A research handbook, Yale University Press, Yale, 2º Edição.
Uluorta, H. M. (2008): The Social Economy: Working Alternatives in a Globalizing Era, Routledge.
Complementar
Anheir, H. and Ben-Ner, A.(2003): The study of the nonprofit Enterprises: Theories and Approaches, Kluwer Academic and Plenum, New York
Legrand, A. e Bruno, M. (2006): Emsemble! Initiatives solidaires en France, Édition Autremant, Paris.
Naves P. et Defalvard, H. (2006): Économie politique de l´áction sociale, Dunod, Paris.
Vimont, Jean-Paul (2006) Réussir sa création d’entreprise de services á la personne: une demarche spécifique, ISERP Enterprises, Paris.
Para cada tema abordado será fornecida mais bibliografia em forma de artigos científicos e/ou outros documentos (p.e. páginas web).
Língua Português
Data da última atualização: 2012-05-23
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.