Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. UBI subscreve documentos europeus sobre investigação

UBI subscreve documentos europeus sobre investigação

  24 de abril de 2018  

Img:

A Universidade da Beira Interior aderiu aos princípios da Carta Europeia do Investigador e Código de Conduta para o Recrutamento de Investigadores.

A Universidade da Beira Interior (UBI) é uma das entidades subscritoras da Carta Europeia do Investigador e do Código de Conduta para o Recrutamento de Investigadores, juntando-se a um grupo de organizações europeias ao qual pertencem mais de 1.000 universidades, centros de investigação e entidades financiadoras.

Os dois documentos foram adotados, em 2005, pela Comissão Europeia, abrangendo não só os profissionais ligados à investigação, entidades empregadoras, mas também organismos financiadores do trabalho científico. O objetivo do órgão executivo da União Europeia ao implementar estas ações será impulsionar a carreira de investigação.

A adesão aos princípios de ambos os textos é mais um passo para que a UBI se aproxime de padrões europeus no plano da investigação, além de alargar o leque de entidades financiadoras às quais pode apresentar candidaturas. É também um sinal de que a instituição pretende “contribuir para tornar as carreiras de investigação na Europa mais atrativas e sustentáveis”, como reconhece a Direção-Geral para a Investigação & Inovação da Comissão Europeia, na carta enviada à UBI.

A Carta Europeia do Investigador consiste num conjunto de princípios e requisitos gerais que definem os papéis, responsabilidades e direitos dos cientistas e organizações do setor. “O objetivo da Carta é garantir que a natureza da relação entre os investigadores e as entidades empregadoras ou financiadoras seja propícia ao sucesso na produção, transferência, partilha e divulgação dos conhecimentos e do desenvolvimento tecnológico, bem como à progressão na carreira”, de acordo com o documento, que se dirige a todos os investigadores na União Europeia em todas as fases da sua carreira e em todos os domínios de investigação nos sectores público e privado.

Quanto ao Código de Conduta para o Recrutamento de Investigadores é composto por um conjunto de princípios que garantam o respeito de valores como a transparência no recrutamento e o tratamento equitativo de todos os candidatos, entre outros, “em especial no que diz respeito ao desenvolvimento de um mercado europeu de trabalho atraente, aberto e sustentável para os investigadores, sendo complementares dos consagrados na Carta Europeia do Investigador”.

Mais informação
Euroaxess 
Carta Europeia do Investigador Código de Conduta para o Recrutamento de Investigadores

Partilhar

Data da última atualização: 2018-04-24
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.