Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Cursos
  3. Matemática e Aplicações

Matemática e Aplicações

1º Ciclo     Departamento de Matemática

Ano:
Plano de Estudos   Matemática e Aplicações
Código DGES
9835  
Área CNAEF 461 | Portaria n.º 256/2005
Publicação em Diário da República Despacho n.º 7044/2019 - DR 2.ª série, n.º 150, 7 agosto
Avaliação/Acreditação/Registo Acreditação A3ES, 05-06-2019
Registo DGES R/A-Cr 32/2019, 02-07-2019
ECTS 180

Concurso Nacional de Acesso  

Provas de Ingresso

Tem como provas de ingresso um dos seguintes conjuntos:
19 Matemática A
ou
04 Economia
19 Matemática A
ou
07 Física e Química
19 Matemática A

Vagas 20 (2019)
Nota Mínima (0-200) Provas de ingresso: 95
Candidatura: 100
Cálculo da Nota de Acesso Média do ensino secundário: 65%
Provas de ingresso: 35%

Sobre

Objetivos Gerais O 1.º ciclo em Matemática e Aplicações tem como objetivo formar licenciados de excelência com uma base sólida de conhecimentos e competências em Matemática que lhes permita compreender, formular e resolver problemas, tanto teóricos como práticos, com recurso aos processos específicos desta área.
Pretende-se possibilitar que os futuros licenciados optem por um Menor em Economia ou um Menor em Informática, duas áreas onde a Matemática desempenha um papel fundamental, ou ainda um Menor em Matemática.
Os futuros licenciados, para além de estarem aptos para prosseguirem os seus estudos num segundo ciclo em Matemática, Ensino da Matemática, Economia, Informática ou áreas afins, poderão ingressar diretamente no mercado de trabalho em áreas de atividade onde se regista um assinalável crescimento da procura de profissionais com formação sólida em Matemática.
Competências Os licenciados neste ciclo de estudos possuirão um conjunto sólido de conhecimentos, não só em áreas centrais da Matemática (Álgebra, Geometria, Análise, Modelação, Probabilidades e Estatística), mas também em áreas onde a Matemática desempenha um papel fundamental, como a Economia e a Informática, que lhes permitirá: construir argumentos lógicos e dominar técnicas de demonstração matemática; resolver problemas formulados em linguagem matemática; modelar matematicamente problemas reais; analisar dados com recurso a ferramentas matemáticas e computacionais, interpretando os resultados com sentido crítico; desenvolver trabalho multidisciplinar; comunicar
ideias matemáticas. Os licenciados ficarão assim aptos para: ingressar num 2.º ciclo de estudos em Matemática, Ensino da Matemática, Informática, Economia ou áreas afins; exercer atividade profissional em sectores como a ciência de dados, logística e transportes, telecomunicações, estudos de mercado, banca e seguros.
Saídas Profissionais Ensino, investigação, ciência de dados, logística e transportes, telecomunicações, estudos de mercado, banca e seguros.
Infraestruturas A Universidade da Beira Interior oferece infraestruturas de muito boa qualidade (incluindo salas de aula convencionais, laboratórios, salas de informática, salas de estudo e biblioteca), bem como recursos informáticos modernos.

Departamento de Matemática

Rua Marquês D'Ávila e Bolama
6201-001 Covilhã
275 242 091
1651

Responsáveis

 [Ficheiro Local]
Diretor/a de Curso
Isabel Maria Romano da Cunha
Nota: A informação contida nesta página não dispensa a consulta dos documentos oficiais. Data da última atualização: 2019-07-09
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.