Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. Doutoramento em Engenharia Mecânica recebe acreditação máxima

Doutoramento em Engenharia Mecânica recebe acreditação máxima

  1 de setembro de 2021  

Img:

A A3ES - Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior avaliou positivamente as condições da formação de 3.º Ciclo para os próximo seis anos.

O curso de 3º Ciclo em Engenharia Mecânica da Universidade da Beira Interior (UBI) foi acreditado por seis anos, de forma incondicional. A decisão surge na sequência da recente avaliação pela A3ES - Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior, que consistiu na análise dos relatórios de autoavaliação, visita às instalações e reuniões com docentes, estudantes, antigos alunos e empregadores.

Os destaques do relatório que suportam a decisão da A3ES vão para os elogios ao corpo docente, que apresenta elevada qualificação, experiência e atividade científica, enquadrada na área científica da Engenharia Mecânica, tanto nos domínios da Mecânica dos Sólidos (Projeto Mecânico) como da Mecânica dos Fluidos, com um conjunto de parcerias relevantes com a indústria. A melhoria muito significativa nos meios laboratoriais e nos projetos de investigação nacionais e internacionais angariados é também destacada.

“Esta foi a segunda vez consecutiva em que o Doutoramento em Engenharia Mecânica foi acreditado pela A3ES por seis anos dentro dos novos moldes de avaliação. Nunca foi vetado ou acreditado temporariamente, desde que foi criado nos longínquos anos de 1992”, salienta Paulo Pimentel de Oliveira, diretor do curso que integra o Departamento de Engenharia Eletromecânica.   

O 3º ciclo em Engenharia Mecânica tem um formato clássico e consiste essencialmente no desenvolvimento de investigação de alto nível, que sirva para expandir os conhecimentos existentes atualmente, envolvendo a escrita duma tese original após a execução de trabalho teórico, numérico ou experimental, a qual, acompanhada por artigos em revistas científicas da especialidade, será sujeita a avaliação oral em provas públicas de doutoramento.  

O sucesso do curso pode avaliar-se pela taxa de conclusão do mesmo. Como explica Paulo Pimentel de Oliveira, “no atual ano letivo há três doutoramentos a aguardar provas públicas que ocorrerão este mês, (registos que podem ser consultados na página do C-MAST - Centro de Ciências e Tecnologias Mecânicas e Aerospaciais), além de outros doutoramentos concluídos anteriormente e aí registados, desde 2012”.  

A unidade de investigação C-MAST, avaliada consecutivamente com “Muito Bom” pela FCT - Fundação para a Ciência e a Tecnologia, está intimamente ligada ao 3.º Ciclo em Engenharia Mecânica da UBI, sendo que muitos dos orientadores de doutoramento, professores nos Departamentos de Engenharia Electromecânica e de Ciências Aerospaciais da UBI são membros integrados no C-MAST.

Nesta avaliação os membros do painel da A3ES apontam para o facto de ser conveniente que a universidade ofereça formação graduada em Engenharia Mecânica, e não só em Engenharia Electromecânica, “um aspeto em estudo pelo Departamento, e também que os equipamentos e meios técnicos para a investigação experimental, nos laboratórios, sejam reforçados”, conclui o diretor do Curso.   

Os doutoramentos na UBI têm candidaturas abertas até dia 3 de setembro.

Mais informação
3.º Ciclo em Engenharia Mecânica 
Informação e candidaturas 

Partilhar

Data da última atualização: 2021-09-01
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.