Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. Docentes e educadores de infância da região recebem formação de SBV

Docentes e educadores de infância da região recebem formação de SBV

  03 de junho de 2022  

Img:

Os cursos em Suporte Básico de Vida e Desfibrilhação Automática Externa vão continuar nos próximos meses. A formação já abrangeu 30 pessoas dos concelhos da Covilhã, Fundão, Belmonte e Manteigas.

A Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade da Beira Interior (FCS-UBI) está a promover cursos de formação de Suporte Básico de Vida (SBV) e Desfibrilhação Automática Externa a docentes (ensino Básico e Secundário) e educadores de infância, das escolas da região.

O projeto “Educar para Reanimar” vai continuar a desenvolver a sua atividade formativa durante os próximos meses e a dotar as escolas de conhecimentos que fazem realmente a diferença na saúde de todos.
Os participantes, provenientes dos concelhos da Covilhã, Fundão, Belmonte e Manteigas, frequentam uma ação de curta de duração, de seis horas, com formadores certificados em SBV e com uma vasta experiência em emergência pré-hospitalar e medicina de urgência/emergência.

Além dos conhecimentos em SBV, os formandos aprendem o conceito de cadeia de sobrevivência, realização de SBV de alta qualidade, posição lateral de segurança, e modos de atuação perante uma obstrução da via aérea.

“Educar para Reanimar” teve início em maio na FCS-UBI, tendo já formado cerca de 30 docentes das mais diversas áreas.
“A importância deste projeto é justificada pelo facto de termos na região uma Faculdade dotada de competências neste tipo de conhecimento e formação, passando de um modo acessível e prático as noções básicas que ajudam a salvar vidas todos os dias”, refere a Faculdade de Ciências da Saúde, acrescentando: “Saber atuar perante uma paragem cardiorrespiratória deve ser do conhecimento de qualquer cidadão, uma vez que este tipo de vítimas perde 10 por cento de hipóteses de sobrevivência a cada minuto que passa”.

“Educar para Reanimar” é um projeto desenvolvido pela UBI e pelo Laboratório de Competências (LaC) da Faculdade de Ciências da Saúde (FCS) e acreditado pelo Centro de Formação da Associação de Escolas da Beira Interior (CFAEBI) e pelo Conselho Português de Ressuscitação (CPR).

A iniciativa vem no seguimento de um protocolo estabelecido entre as direções Gerais de Educação (DGE) e da Saúde (DGS), que visa a formação de docentes em SBV para que estes consigam promover, junto dos seus alunos, o conceito de reanimação cardiopulmonar e a importância de uma rápida e correta atuação perante uma vítima em paragem cardiorrespiratória.

Partilhar

Data da última atualização: 2022-06-03
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.