Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. UBI participa em projeto de 1,2 milhões de euros na área da Medicina Genómica

UBI participa em projeto de 1,2 milhões de euros na área da Medicina Genómica

  29 de setembro de 2021  

Img:

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) aprovou recentemente o “Projeto de Capacitação da Região Centro para a Medicina Personalizada/de Precisão, de base genómica”, que envolve as três universidades e principais hospitais da Região Centro.

O projeto tem como objetivo preparar as unidades de investigação e as unidades de saúde para os novos desafios colocados pelos avanços científicos na área da genómica humana e a sua aplicação na melhoria da prestação dos cuidados de saúde.

Esta nova área da Medicina tem vindo a ser designada como Medicina Personalizada, Medicina de Precisão ou Medicina Genómica e refere-se a um modelo de prática médica que utiliza o conhecimento do perfil genético de cada pessoa para individualizar (ou personalizar) os cuidados médicos. Por exemplo, os dados genéticos de uma pessoa poderão ser utilizados para escolher o tratamento mais adequado para essa pessoa, gerando ganhos de eficácia e também económicos. Também é possível fazer o diagnóstico de várias doenças antes do aparecimento dos primeiros sintomas, ou determinar a predisposição genética para estas, e proporcionar medidas de prevenção atempadas.

A Medicina Genómica tem assim o potencial de revolucionar o exercício futuro da medicina e o projeto agora financiado pretende reforçar a competitividade internacional da Região Centro nesta área.

O projeto, a ser desenvolvido sob a forma de consórcio, prevê a capacitação técnica para a sequenciação genómica, a transferência de conhecimento para as unidades de saúde e tecido empresarial, e ações de divulgação junto de profissionais de saúde e público em geral. Numa primeira fase, cada universidade ficará responsável por desenvolver a Medicina Genómica orientada para uma doença em particular. A UBI ficará responsável por desenvolver a Medicina Genómica na área da diabetes, podendo ser posteriormente alargada a outras doenças.

A UBI, através do UBImedical, ficará ainda responsável pelo apoio à criação e incubação de novas empresas (“startups”) na área da Medicina Genómica.

O projeto terá a duração de dois anos e um financiamento global de 1,2 milhões de euros, comparticipado pelo programa Centro 2020. Na UBI, o projeto será coordenado pelo médico e investigador Manuel Lemos e conta com a participação de vários investigadores da UBI, localizados no Centro de Investigação em Ciências da Saúde (CICS-UBI), UBImedical, Núcleo de Estudos em Ciências Empresariais (NECE-UBI) e Centro de Competências em Cloud Computing (C4-UBI).

Partilhar

Data da última atualização: 2021-09-29
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.