Menu Conteúdo Rodapé
  1. Início
  2. Notícias
  3. UBI com investigadores em lugar de destaque na 4.ª Edição CEEC Individual – FCT

UBI com investigadores em lugar de destaque na 4.ª Edição CEEC Individual – FCT

  13 de dezembro de 2021  

Img:

A 4.ª Edição do Concurso de Estímulo ao Emprego Científico – Individual escolheu quatro investigadores da UBI, com três deles nas posições cimeiras dos respetivos painéis.

Foram quatro os investigadores selecionados no âmbito da 4ª Edição do Concurso de Estímulo ao Emprego Científico – Individual - (CEEC Individual), promovido pela FCT – Fundação para a Ciência e Tecnologia para desenvolver os seus projetos de investigação na Universidade da Beira Interior (UBI). Este resultado é o melhor de sempre alcançado pela UBI, num dos mais competitivos processos de contratação de cientistas a nível nacional.

Os investigadores escolhidos através de um processo de avaliação e classificação realizado por 25 painéis internacionais são Duarte Diogo e Diana Costa (CICS-UBI - Centro de Investigação em Ciências da Saúde), nas categorias de Investigador Júnior e Investigador Auxiliar, respetivamente; Luigi Caranti (PRAXIS - Centro de Filosofia, Política e Cultura) como Investigador Principal; Renata Ferraz (LabCom - Comunicação e Artes) é outra investigadora selecionada na Categoria Júnior.

A mais-valia científica dos projetos apresentados pelos elementos da UBI, que abrangem os campos da química, engenharia dos materiais e nanotecnologia, arte e, ainda, filosofia, ética e religião, ficou comprovada pelas classificações obtidas na avaliação do CEEC Individual. Duarte Diogo é o 1.º classificado no seu painel de avaliação (Química), com 9,65, e Diana Costa ficou seriada na 2.ª posição do respetivo painel (Materiais, Engenharia e Nanotecnologia), tendo obtido uma classificação de 9,50. Luigi Caranti, no painel de avaliação Filosofia, Ética e Religião, assume-se como o 2.º melhor.

“Este é um resultado muito gratificante para a UBI, dado que se trata de um concurso muito competitivo”, salienta Sílvia Socorro. O CEEC Individual teve uma taxa de aprovação das candidaturas superior à do ano passado, mas que ainda assim foi de apenas aproximadamente 10%, “o que representa, portanto, a enorme qualidade dos projetos de investigação propostos e a excelência do perfil e percurso científico destes investigadores selecionados”, acrescenta a vice-reitora da UBI para a Investigação.

Sílvia Socorro refere que as classificações nas duas primeiras posições dos respetivos painéis “são naturalmente dignas de nota”, com especial relevância para Duarte Diogo, que pode ser visto como um exemplo da qualidade existente nos cursos da academia. “É o candidato melhor classificado no painel Química, depois de ter feito todo o seu percurso de formação graduada e pós-graduada na UBI”. Outra situação em destaque é o acolhimento de “um investigador internacional, com uma vasta e sólida carreira, para a posição de Investigador Principal no Praxis, Luigi Caranti”, conclui a vice-reitora, que reconhece “uma satisfação enorme” com os resultados do CEEC Individual e deseja “a todos os maiores sucessos e concretizações”.

O CEEC Individual é um dos instrumentos de financiamento da contratação de investigadores definidos pelo Regulamento do Emprego Científico lançado em 2017 pela FCT, na sequência da publicação do Decreto-Lei n.º 57/2016.

Partilhar

Data da última atualização: 2021-12-13
As cookies utilizadas neste sítio web não recolhem informação pessoal que permitam a sua identificação. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.